facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 21 de Junho de 2024
21 de Junho de 2024

09 de Novembro de 2022, 15h:49 - A | A

POLÍCIA / HORAS DE TERROR

Empresários e recém-nascidos são feitos reféns por falso motorista de aplicativo em VG

O bandido, identificado como J, se passava por motorista de aplicativo para registrar a rotina da família, facilitando a ação dos outros membros da organização

CHRISTINNY DOS SANTOS
DO REPÓRTER MT



Um homem identificado pelas iniciais J.S.B., foi preso na noite desta terça-feira (08), após se passar por motorista de aplicativo para registrar a rotina e invadir a residência de moradores de Cuiabá e Várzea Grande. O homem integrava uma organização criminosa que atuava nos dois municípios.

Na manhã de segunda-feira (07), o grupo invadiu a casa de uma família, no município de Várzea Grande. Durante a ação, os moradores, incluindo os filhos recém-nascidos do casal, foram ameaçados de morte e mantidos sob cárcere privado por horas.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Um dos bandidos demonstrou conhecer a rotina da família. Ele sabia que os moradores são empresários, mandou que desbloqueassem a celular e fizessem transferências bancárias. As transações não foram concluídas, pois os dados da conta de destino estavam incorretos.

Os criminosos deixaram o local com joias, tabletes e outros itens pessoais da família, avaliados em mais de R$ 14 mil.

O bandido se passava por motorista de aplicativo para registrar a rotina das famílias alvos dos roubos, facilitando a ação dos outros membros da organização. Ele levava os comparsas até o endereço e aguardava nas imediações para ajudar na fuga.

O homem, que utilizava um carro Sandero de cor prata para praticar os crimes, foi preso e autuado em flagrante pela prática de roubos em residências e comércios.

A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) busca identificar e prender os outros envolvidos no crime.

 

Comente esta notícia