facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 27 de Maio de 2024
27 de Maio de 2024

14 de Maio de 2024, 07h:00 - A | A

PODERES / CAOS NA SAÚDE

Mauro vai notificar Prefeitura antes de encontrar Emanuel: "Técnicos precisam se reunir e construir uma pauta"

A possibilidade de encontro entre os representantes municipal e estadual surgiu após Emanuel encaminhar um ofício a Mauro.

DAFFINY DELGADO
RENAN MARCEL
DO REPÓRTERMT



O governador Mauro Mendes (União) afirmou na última semana que o Governo do Estado deverá enviar uma notificação para a Prefeitura de Cuiabá para que técnicos das pastas da Saúde, de ambas as gestões, possam se encontrar e discutir o 'caos' que se encontra na Capital.

Segundo ele, antes de se reunir com o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), os técnicos precisam chegar a um consenso em relação aos dados e de qual maneira o Executivo estadual poderia contribuir para ajudar a saúde do município.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

"Eu disse que ela (reunião com Emanuel) poderia acontecer, mas em cima de verdades. Mas antes de falar comigo, as equipes técnicas precisam se reunir para construir uma pauta, para discutir tecnicamente", ponderou.

Leia mais - Emanuel oficializa pedido de audiência com Mauro

"Eu não decido politicamente, eu decido tecnicamente, em cima de dados, informações e em cima de verdades. Então, nós estamos trabalhando uma pauta que vamos apresentar essa semana para a Prefeitura, os técnicos precisam reunir se tiver espaço e oportunidade", emendou.

A possibilidade de encontro entre os representantes municipal e estadual surgiu após Emanuel encaminhar um ofício a Mauro no último dia 30.

O prefeito ‘culpa’ atribui parte da dificuldade enfrentada pela Secretaria Municipal de Saúde aos pacientes vindos do interior do estado para serem atendidos na Capital.

Segundo Emanuel, mais de 40% dos pacientes atendidos no Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) são do interior. Diante disso, ele tenta que o Governo do Estado injete mais recursos na pasta. Por outro lado, o governador afirmou que as alegações de Emanuel são 'mentirosas'.

Apesar das críticas e diferenças entre eles, o governador enfatizou que nunca deixou de investir em Cuiabá.

"Todos sabem da grande diferença que tenho com o prefeito de Cuiabá, principalmente pelas atitudes dele e da administração dele, entretanto, jamais deixei de ajudar Cuiabá. (...) Mas, estamos sempre abertos para dialogar", finalizou.

Comente esta notícia