facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 15 de Julho de 2024
15 de Julho de 2024

12 de Março de 2024, 11h:59 - A | A

PODERES / VEJA OS VOTOS

Câmara de Cuiabá aprova comissão processante que pode cassar Emanuel

O pedido da comissão foi apresentado pelo vereador Felipe Corrêa (Cidadania) logo após o afastamento do prefeito no dia 4 de março.

RENAN MARCEL
DO REPÓRTER MT



A Câmara de Cuiabá aprovou a abertura de uma comissão processante que pode cassar o mandato do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). A votação nominal ocorreu nesta terça-feira (11). Foram 16 votos favoráveis e 8 contrários. (Confira como votou cada vereador no final da matéria). 

O pedido da comissão foi apresentado pelo vereador Felipe Corrêa (Cidadania) logo após o afastamento do prefeito no dia 4 de março, por determinação do desembargador Luiz Ferreira da Silva, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, atendendo ao pedido do Ministério Público Estadual (MPMT).

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Emanuel é acusado de chefiar uma organização criminosa que teria se instalado na Secretaria de Saúde para contratar empresas fantasmas e pagar por serviços que não eram prestados, surrupiando assim os cofres da Prefeitura.

Além disso, ainda pesou contra o prefeito as  19 operações policiais enfrentadas pela sua gestão ao longo dos anos. Na sessão, a oposição ao prefeito não poupou críticas e defendeu até a prisão de Emanuel. O líder do governo, vereador Luiz Cláudio (PP) disse que o pedido de abertura de comissão processante deve cair judicialmente, porque o Superior Tribunal de Justiça (STJ) suspendeu o inquérito policial e mandou o prefeito voltar ao cargo. 

Este é o primeiro "pedido de impeachment" contra o prefeito que prosperou na Câmara nos sete anos de gestão. Antes dele, 17 foram apresentados e rejeitados pela base. Caso a comissão chegue a indicar a cassação, segundo o regimento, serão necessários 17 votos para cassar o prefeito.

Veja como votaram o vereadores. (O SIM é pela abertura da comissão): 

ADEVAIR- NÃO
CEZINHA - NÃO
DEMILSON- SIM
DIDIMO VOVO- NÃO
DILEMARIO- SIM
LUIZ FERNANDO- SIM
RICARDO SAAD - NÃO
EDNA SAMPAIO SIM
EDUARDO MAGALHÃES SIM
ELEUS AMORIM SIM
JEFFERSON SIQUEIRA SIM
KASSIO COELHO SIM
LILO PINHEIRO SIM
LUIZ CLAUDIO NÃO
MARCUS BRITO SIM
MAYSA LEÃO SIM
MICHELLY ALENCAR SIM
PAULO HENRIQUE NÃO
MARIO NADAF NÃO
RODRIGO ARRUDA SIM
ROGÉRIO VARANDA SIM
SARGENTO JOILSON SIM
SARGENTO VIDAL NÃO
WILSON KERO KERO SIM

CHICO 2000-  Como ele é o presidente da Casa, só vota em caso de empate. 

Comente esta notícia