Cuiabá, 06 de Outubro de 2022
logo

18 de Novembro de 2013, 21h:39 - A | A

OBRAS DA COPA / VIADUTO DO DESPRAIADO

Elevado é inaugurado e tráfego está liberado na Miguel Sutil

A obra recebeu o nome do engenheiro Domingos Iglésias, falecido superintendente da Defesa Civil de MT

MIRO FERRAZ
DA REDAÇÃO



O viaduto do bairro do Despraiado, na avenida Miguel Sutil, foi inaugurado nesta segunda (18), pontualmente às 19h30 pelo governador Silval Barbosa (PMDB).. A cerimônica contou com a presença de grande parte da classe política de MT. Boa parte dos secretários de Estado, o prefeito Mauro Mendes (PSB), deputados estaduais, federais e senadores estavam presentes. Esta é a primeira grande obra de mobilidade urbana projetada para a Copa, a ser inaugurada pelo governo de MT. A obra recebeu o nome do engenheiro Domingos Iglésias, falecido superintendente da Defesa Civil de MT

O governador salientou que seu governo deixa um legado para a população; "nunca um governo fez tanto em tão pouco tempo pela infraestrutura de Cuiabá e Várzea Grande; nossa cidade vai ser uma das mais modernas do país", disse.

O prefeito de Cuiabá, de certa forma alheio às obras até bem pouco tempo, fez questão de salientar a parceria com o governo do Estado; "Cuiabá passa por um momento único e está sabendo aproveitar", disse.

Projetado para dar mais fluidez na avenida e desafogar o ponto de estrangulamento no trevo do Despraiado, o elevado deverá ser a melhor opção para quem sai da região do CPA para Várzea Grande. A realização do projeto do viaduto faz parte das ações de mobilidade urbana para Copa do Mundo da Fifa 2014. A edificação possui 325 metros de comprimento e nove de altura em seu ponto mais elevado, com quatro faixas totais, duas de fluxo e contra fluxo no viaduto e outra duas nas marginais, além de uma rotatória embaixo do elevado. Em horário de pico, cerca de 9 mil veículos passam por essa região, de acordo com o estudo de fluxo veicular das principais vias e cruzamentos contratado pela Secopa.

Além da construção do viaduto e pistas marginais, foram feitos serviços complementares de pavimentação, sinalização, iluminação e calçamento desde a entrada da av. Marechal Deodoro até o trecho de acesso ao Centro de Eventos do Pantanal, totalizando 1,8 Km.

de Infraestrutura de Transportes (Dnit), a obra foi executada pelo consórcio Atracon, no valor de R$ 18,9 milhões. As pistas do viaduto estarão liberadas para o tráfego ja na manhã desta terça-feira (19).

O governo inaugurou recentemente pontes ligando a Estrada do Moinho à Fernando Corrêa e o Cophema à avenida Beira-Rio. Ao todo serão 56 obras inauguradas no pacote de mobilidade urbana para a Copa do Mundo do ano que vem, que tem a Capital como uma das 12 sub-sedes. Ainda esta semana, será inaugurada a trincheira da Ciríaco Cândia / Mário Andreazza.

Comente esta notícia

wagner 21/11/2013

Parabéns, e olha que sou um baita critico sobre estas obras, ficou show de bola, mas Sr. Antenor Figueiredo, não espere alguma morte ali para tomar uma atitude em reduzir a velocidade, os caras passam num \"pau\" danado, principalmente no sentido rodoviaria - Santa Rosa.

Eduardo 19/11/2013

Parabéns a todos e principalmente aos moradores de Cuiabá e VG, que suportam a incomoda situação criada pelas obras, fato necessário, mas que foi mal planejado, quem mora no Santa Rosa, não tem ideia como explicar a uma pessoa de fora que trecho usar, aproveitando o ensejo que tal informar a todos inclusive aos taxistas o verdadeiro nome da avenida antártica!

Sérgio 19/11/2013

Só gostaria de entender a necessidade da rotatória do centro de eventos, já que teremos a rotatória do Despraiado e a do Santa Rosa a menos de 1km para cada lado, os gargalos sairão do Despraiado e Santa Rosa e ficará lá, não custava nada andar mais um pouco para retornar sem parar o trânsito. As grandes cidades planejadas tem poucos retornos e rotatórias e também são distantes uma das outras, agora Cuiabá tem que ter de 500 em 500 metros. Fica a dúvida, será que estão atendendo outros interesses que não seja o trânsito?

3 comentários

1 de 1