Cuiabá, 01 de Dezembro de 2022
logo

09 de Dezembro de 2016, 16h:10 - A | A

POLÍCIA / BARRIL DE PÓLVORA

Presos denunciam superlotação na Penitenciária do Pascoal Ramos

Com espaço para receber 890 pessoas, a unidade em Cuiabá tem mais de 2,2 mil presos em regime fechado e pode 'explodir' a qualquer momento

DA REDAÇÃO



A Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso (OAB-MT) denunciou o descaso da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) em relação à Penitenciária Central do Estado (PCE), no bairro Pascoal Ramos.

A presidente da comissão, Betsey Polistchuk, a situação em que se encontram os reeducandos é considerada degradante, no que se refere à acomodação na unidade prisional.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Com espaço para receber 890 pessoas, a Penitenciária Central do Estado conta, atualmente, com mais de 2,2 mil reeducandos.

Segundo Betsey, nas celas, que deveriam abrigar, no máximo, oito pessoas, mais de 40 dividem o espaço.

A situação acirrou os ânimos dos reeducandos, que cobram providências do Estado.

Em denúncia, eles afimam que não aceitarão receber mais nenhum reeducando no local.

Nesta sexta-feira (9), a presidente da Comissão de Direiros Humanos da OAB-MT acompanhou o juiz da Vara de Execução Penal, Geraldo Fidélis, e uma comitiva, em uma visita às instalações da PCE.

Durante uma vistoria nos raios 1, 2, 3 e 4, a comitiva constatou que a situação dos detentos merece uma atenção especial.

No local onde ficam recolhidos por mais de 12 horas seguidas, eles são obrigados a dormir uns em cima dos outros, embaixo das jegas (camas) e em redes improvisadas nos banheiros.

Após a vistoria, o juiz Geraldo Fidélis decidiu que, em caráter emergencial, os reeducandos de outras comarcas serão encaminhados aos seus locais de origem.

Outros pontos relacionados ainda à superlotação, trabalho e educação serão discutidos posteriormente, segundo o magistrado.

Comente esta notícia

So jesus na causa 09/12/2016

Grafico da segurança pública... Policia na rua; Reforço do efetivo policial.. resumo: bandido preso.. logo incha o sistema penitenciário.. A culpa e da falta de construção de presídio..investimento no sistema penal..

Porradaaaaaa 09/12/2016

Esses direito dos manos não valem nada quem defende essa cambada e tão bandido quanto

Revolta pura 09/12/2016

Tem que acabar com essa merda desses direito dos manos que só serve pra dar guarida a bandido ,não combina mesmo justiça com direito dos MANOS

Mano 09/12/2016

E vai explodir mesmo a tempos estão dando este aviso acorda dormindo pede pra sair logo você não deu conta EITA 2 eternos anos que pareciam não passar

Agente crc 09/12/2016

E pra rir mesmo Olha o face do diretor do crc lá tem vídeo das mordomias dos presos do crc tem até ar condicionado e só olhar o vídeo no salão Moleza esse sistema isso só mostra que o crime vale a pena

Agentes revoltadossssss 09/12/2016

E a única coisa que o atual secretário fez junto com seu adjunto de administração penitenciária e os superintendentes fora terminar de super lotar o que já estava super lotado e agora ? Mas já não estava interditado ? Cria mais duas casa do albergado Dr geraldo pra pelo menos esvaziar um pouco

6 comentários

1 de 1