facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 19 de Junho de 2024
19 de Junho de 2024

03 de Novembro de 2022, 11h:59 - A | A

POLÍCIA / MONSTRO

Padrasto é preso por forçar enteada de 16 anos a se prostituir e exigir vídeos pornográficos

Mandado de prisão foi cumprido nesta quinta-feira (03).

APARECIDO CARMO
DO REPÓRTER MT



Um homem de 64 anos, que não teve a identidade revelada, foi preso nesta quinta-feira (03) pelos crimes de exploração sexual e estupro, cometidos contra a enteada de 16 anos, em Tangará da Serra (293 km de Cuiabá).

A prisão foi determinada pela Comarca da cidade, após diligências da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Tangará, para investigar denúncia do Conselho Tutelar registrada no começo de outubro.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Segundo o Conselho, o padrasto fazia a garota se prostituir para aumentar a renda da família e ainda pedia vídeos e fotos pornográficos para a adolescente. Ele também chegou a pedir para manter relações sexuais com ela.

Um inquérito foi instaurado para apurar os crimes de favorecimento à prostituição de menor de idade e por submeter alguém menor de 18 anos à prostituição. Diante das evidências colhidas na investigação, a DEDM representou pela prisão preventiva do abusador, que foi aceito pela Justiça.

O mandado estava em aberto e foi cumprido após uma abordagem da Polícia Militar. O criminoso foi conduzido para a delegacia e ficou à disposição da Justiça.

LEIA MAIS - Mulher mata marido a facadas por dar soco no rosto da filha de 11 anos em MT

Comente esta notícia