facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 23 de Junho de 2024
23 de Junho de 2024

16 de Dezembro de 2022, 13h:55 - A | A

PODERES / INSEGURANÇA E PRESSÃO

Bolsonaro teve reunião com líderes do PL sobre ações do STF contra manifestantes, revela Wellington

Senador comentou a deflagração da Operação Desbloqueio na qual a PF cumpriu mandados de prisão e apreensão por ordem do STF.

MÁRCIA MATOS
DAFFINY DELGADO



O senador Wellington Fagundes (PL) revelou à imprensa nos bastidores da cerimônia de diplomação dos eleitos em Mato Grosso, realizada na noite de quinta-feira (15), que o presidente Jair Bolsonaro (PL) se reuniu com lideranças do partido para debater as ações do Supremo Tribunal Federal (STF), como mandados de prisão e busca e apreensão determinados pelo ministro Alexandre de Moraes contra pessoas que são apontadas como envolvidas em atos de protesto contra as eleições.

“Isso está sendo muito pressionado. Inclusive hoje pela manhã tivemos reunião com o presidente Bolsonaro, no Palácio da Alvorada, discutimos isso. Eu não pude ficar até o final da reunião”, relatou. (Assista abaixo)

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Questionado se considera que há excesso da Justiça em determinar prisões e mandados de apreensão contra manifestantes, ele comentou que há preocupação.

“Há uma certa insegurança e pressão de todos pelo que está acontecendo”, pontuou.

Leia também: 
Cattani detona operação a mando de Moraes; “É condenação prévia, vivemos uma insegurança total”

Alvos da PF em Cuiabá foram candidatos a deputado na última eleição; todos prestaram depoimento

Wellington defendeu o direito de que haja manifestações, desde que sejam pacíficas e não impeçam o ir e vir. O senador ainda destacou que avalia que as manifestações ficarão latentes a partir de janeiro e natural.

“Não podemos estranhar a manifestação. O Congresso Nacional funciona na pressão e quanto mais cada setor, que fizer manifestação, pressionar nas reivindicações, mais legitimidade e mais força terá”, ressaltou.

Operação Desbloqueio

Na quinta-feira (15)  a Polícia Federal cumpriu em Mato Grosso mandados de busca e apreensão contra 20 alvos da Operação Desbloqueio, que foi determinada pelo ministro Alexandre de Moraes.

A operação foi realizada em oito estados brasileiros contra alvos envolvidos em manifestações e bloqueios realizados nas rodovias, em todo o país, contra o resultado das eleições presidenciais.

Comente esta notícia