Cuiabá, 02 de Julho de 2022
logo

Sábado, 16 de Abril de 2022, 19h:22 - A | A

GRAFÓLOGA EXPLICA

ASSISTA: Letra revela quem trabalha melhor, o que pode roubar e até risco de morte

Quem conta mais sobre a prática secular é a grafólofa Tuanny Postal, que detalha em entrevista todas as informações que a técnica capta sobre o indivíduo em apenas uma redação de 20 linhas.

MÁRCIA MATOS
DO REPÓRTERMT

Como uma simples frase ou a assinatura pode revelar seu íntimo, os traços que apontam características de desvio de personalidade, sinais de agressividade violenta, invasão sexual, agilidade e bom desempenho no trabalho, capacidade de concentração e ainda quem tem tendência a roubo e até suicídio, tudo isso está contido no mar de interpretações e revelações da grafologia. (Veja a entrevista abaixo)

Quem conta mais sobre a prática secular é a grafólofa Tuanny Postal, que detalha em entrevista todas as informações que a técnica capta sobre o indivíduo em apenas uma redação de 20 linhas.

A grafóloga desmistifica a ideia de que quem tem letra bonita possa ter melhor personalidade de quem tem letra feia. Ela cita o exemplo de Suzane Richtofen, que tem letra bonita, mas com traços de personalidade violenta.

Na entrevista, a especialista analisa diversos tipos de letras e mostra quais daquelas indicam que a pessoa tem mais agilidade para trabalhar, melhor capacidade de convencimento, de concentração e até investigação.

"Hoje uma coisa é identificar gente com tendência a conflito. Ninguém contratada ninguém para fazer confusão e sim para trazer solução", comenta.

Tuanny fala ainda sobre o universo das assinaturas e comenta o que as diversas formas dizem sobre o íntimo de cada um. Nesse caso ela demonstra até indicador de risco de suicídio.

 "Assinatura é a confissão de nosso íntimo. Ela pode ter uma letra e assinar outra letra diferente. Ela mostra intimidade sexual e sua convivência com seu eu interior", explica.

 

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia