Cuiabá, 31 de Janeiro de 2023
logo

22 de Dezembro de 2014, 12h:02 - A | A

POLÍTICA / CONSELHEIRA DO TCE

Riva acusa MPE de armar complô para evitar indicação de Janete

"Isso é preconceito. Por que não fizeram isso com os outros, que tinham menos requisitos?”, comentou.

ABDALLA ZAROUR
DA REDAÇÃO



O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado estadual José Riva (PSD), disse em entrevista ao RepórterMT, que o Ministério Público do Estado (MPE) não vai ter legitimidade para investigar o governo Pedro Taques (PDT), a partir de 2015 com dois promotores no staff do pedetista.

A crítica de Riva contra o MPE é por conta das ações formuladas contra a indicação de Janete Riva ao cargo de conselheira no Tribunal de Contas do Estado (TCE) e deferidas duas vezes pela Justiça.

“Houve um complô do Ministério Público para evitar que a Janete (Riva) fosse. Isso é preconceito. Por que não fizeram isso com os outros, que tinham menos requisitos?”, comentou.

Taques comentou durante o anúncio de secretários que vão compor o seu staff, há alguns dias, que a indicação da Janete Riva para o TCE seria ‘absurda’. “Essa declaração (de Taques), logicamente que incitou os puxa-sacos para poder evitar que a Janete fosse (conselheira do TCE), cutucou.

Sobre o nível de escolaridade, Riva se baseia em um levantamento feito pela assessoria dele de que existem 150 conselheiros nos Tribunais de Contas pelo Brasil que não teriam curso superior e dois no Tribunal de Contas da União, o que não impediria Janete, que tem só o segundo grau completo,  de ocupar a vaga deixada por Humberto Bosaipo, que renunciou ao cargo após ficar afastado da cadeira de conselheiro por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ). 

Riva voltou a dizer que a vaga é da Assembleia, e que mesmo que Janete não consiga ser conselheira, ele deve se reunir com os deputados e pensar em outro nome. “Janete não nasceu conselheira”, relatou.

Comente esta notícia

eve 22/12/2014

O segundo grau deve qualificar somente para pais fazerem parte de conselho escolar. Temos que valorizar o conhecimento e a graduação.

cleves 22/12/2014

AINDA NEM COMEÇOU O GOVERNO TAQUES JÁ ME SINTO SATISFEITO, ACHEI CORRETO O BLOQUEIO A INDICAÇÃO DE JANETE RIVA COMO CONSELHEIRA, POIS ALEM DE ESPOSA DE FRAUDARIO NÃO TEM FORMAÇÃO SUPERIOR E DE ALGUMA FORMA TBM NEPOTISMO.

Paulo Nobre 22/12/2014

A CARA DE PAU DESSE CIDADÃO JÁ ULTRAPASSOU O RIDICULO.

3 comentários

1 de 1