facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 22 de Maio de 2024
22 de Maio de 2024

06 de Outubro de 2010, 19h:46 - A | A

POLÍTICA /

Galindo diz que fará "limpa" no staff e controle de gastos na prefeitura

midianews



BRUNO GARCIA
DA REDAÇÃO

 

O prefeito de Cuiabá, Chico Galindo (PTB), anunciou nesta quarta-feira (6) a implantação de um novo sistema de acompanhamento dos gastos públicos, no Palácio Alencastro. Ele disse que vai conferir de perto como estão sendo aplicados os recursos de cada pasta. "Essa será a nossa grande mudança", declarou, após audiência com o governador reeleito Silval Barbosa (PTB).

Galindo também revelou que promoverá mudanças no secretariado. Os nomes devem ser anunciados na próxima semana. O prefeito disse que vai discutir todas as pastas e rassaltou que as alterações não devem atingir todo o staff.

"O importante é o secretário aceitar o novo estilo de administração. Temos que ter os pontos técnicos e políticos: pretendo fazer essa junção", afirmou.


Prometendo implantar um novo ritmo na gestão, Galindo, que assumiu a prefeitura após a renúncia de Wilson Santos (PSDB), que saiu para disputar o Governo do Estado, declarou que colocará pelo menos uma espécie de "fiscal" (que ele chama de "gestor") em cada secretaria.

"Os secretários são bons; agora, vamos mudar a forma de gestão. O posto é mais político, só que os técnicos são importantes e estarão ao lado dos secretários", disse o prefeito.

Uma das alterações já praticamente confirmadas pelo prefeito na Secretaria Municipal de Infraestrutura, atualmente, ocupada pelo ex-prefeito de Poconé, Euclides Santos. Galindo também sinalizou que o presidente da Sanecap, o ex-prefeito de Livramento, Carlos Roberto da Costa, o Nezinho, deve deixar a o cargo.

Segundo ele, a Infraestrutura precisa melhorar para atender às necessidades da população e defendeu amplas mudanças na Sanecap, hoje, alvo de denúncias de suposto esquema de favorecimento a empresas que operam com caminhões-pipa.

Wilson Santos

Questionado se Wilson recebeu convite para participar de compor seu staff, Galindo declarou que o tucano não aceitaria, mas ressaltou que, se ele quiser dar palpites, isso será levado em conta.

"Não tem problema nenhum se ele der uma idéia; se for positiva, iremos acatar", disse.

Reeleição

Chico Galindo disse que sequer sonha com a possibilidade de se candidatar à reeleição em 2012, pois ainda não teve tempo de mostrar por que é prefeito da Capital.

"Nem sonho com isso daí. Primeiro, eu tenho que provar por que sou prefeito de Cuiabá. Na hora em que eu provar que sou um bom prefeito posso pensar. Eu inda não fiz nada do que pretendo fazer para Cuiabá", afirmou.

Comente esta notícia