facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 13 de Junho de 2024
13 de Junho de 2024

30 de Maio de 2024, 17h:08 - A | A

POLÍCIA / CPFS CANCELADOS

Bandidos que ajudaram assassino de sargento da PM são identificados pela Politec; veja nomes

Um dos criminosos é natural de Várzea Grande, já os outros dois são de Cuiabá. O assassino do militar ainda está foragido.

KARINE ARRUDA
EDUARDA FERNANDES
DO REPÓRTER MT



A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) de Sinop identificou os três bandidos que ajudaram no assassinato do sargento da Polícia Militar, Odenil Alves Pedroso, de 46 anos. Os criminosos são Lucas Leandro Rodrigues Silveira, 25 anos, Volney Santos Costa Júnior, 32 anos, e Douglas Soares Batista, 36 anos.

“Em checagem, foram identificadas diversas passagens criminais dos suspeitos como roubo, porte ilegal de arma de fogo, sequestro e cárcere privado, receptação, dentre outros, inclusive sendo encontrados mandados judiciais de prisão em desfavor dos mesmos”, relata o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

O trio morreu na noite dessa quarta-feira (29) durante um confronto com a Força Tática na rodovia MT-423, em Sinop. Lucas era natural de Várzea Grande, já Volney e Douglas eram de Cuiabá. O autor do disparo que matou o sargento, Raffael Amorim de Brito, 28 anos, segue foragido.

Leia mais - Autor de assassinato de sargento da PM é identificado e moto usada no crime é apreendida

Morte dos bandidos

Conforme o boletim de ocorrência, a equipe de Força Tática recebeu informações sobre um veículo Creta conduzido por possíveis envolvidos no homicídio do sargento e que este estaria se deslocando pela BR-163 sentido Sinop. Após o patrulhamento tático, o veículo foi identificado, mas fugiu em alta velocidade assim que foi feita a tentativa de abordagem.

Durante a perseguição, o veículo com os bandidos entrou em uma região de mata e dele foram efetuados tiros contra a equipe policial, que reagiu à injusta agressão, provocando a morte do trio. Eles ainda foram socorridos ao Hospital Regional, mas vieram a óbito.

Comente esta notícia

Mauro 30/05/2024

Aleluia aleluia uiaaaaw

positivo
21
negativo
4

1 comentários

1 de 1