Cuiabá, 12 de Agosto de 2022
logo

12 de Dezembro de 2017, 07h:00 - A | A

PODERES / CENÁRIO OTIMISTA

Taques diz que gestão tem melhorado para 'desespero' da oposição

O governador Pedro Taques espera a liberação de R$ 500 milhões do Fundo de Auxílio Financeiro de Fomento às Exportações (FEX) ainda esta semana, para garantir fôlego de caixa ao Estado.

CAROL SANFORD
DA REDAÇÃO



O governador Pedro Taques (PSDB) declarou nesta segunda-feira (11), acreditar que sua gestão tem melhorado a cada dia, para “desespero” da oposição. Ele afirmou que sua intenção no momento é trabalhar para que Mato Grosso saia da crise financeira.

“Apesar de muitos estarem apostando no fracasso da nossa administração, quero dizer que estamos melhorando e muito para desespero de alguns”, disse Taques.

“Apesar de muitos estarem apostando no fracasso da nossa administração, quero dizer que estamos melhorando e muito para desespero de alguns”, disse Taques.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Nesta segunda, o governador anunciou o pagamento integral dos salários dos servidores, sem a necessidade de escalonamento. Ele também espera a liberação de R$ 500 milhões do Fundo de Auxílio Financeiro de Fomento às Exportações (FEX) ainda esta semana, para garantir fôlego de caixa ao Estado.

“Não discuto eleição antes da Semana Santa, no ano que vem, e político que teme prejuízo não governa".

“Estamos trabalhando muito para que Mato Grosso possa sair desse momento de crise e o FEX vai proporcionar a regularização dos repasses à Saúde e com fornecedores, além de nos dar um fôlego para a quitação do 13º salário dos servidores comissionados”, pontuou.

Questionado a respeito das tratativas em torno de sua reeleição, Taques afirmou não estar pensando no assunto no momento. Em outra ocasião, ele já havia comentado não temer prejuízos políticos com os escalonamentos de salários, necessários nos meses de outubro e novembro, pela dificuldade de caixa.

“Não discuto eleição antes da Semana Santa, no ano que vem, e político que teme prejuízo não governa. Se eu ficar com medo de prejuízo político, daqui a pouco começo a pensar em roubar os cofres públicos e não quero roubar”, assegurou.

Comente esta notícia

carlos batista 13/12/2017

Tem melhorado é muito sofrível para um Governo com tanto apoio inicial, a maior decepção desde os Governos Campos. Conseguiu ser pior que o Governo Silval, isso sim é incrível.

Maria José 12/12/2017

Que irônico esse governo até sexta dia 8 de novembro o estado estava em crise, agora que o ano eleitoral está chegando como num passe de magica esta memorando???? Quem Pedro taques pensa que engana???? E ser muito hipócrita!

2 comentários

1 de 1