Cuiabá, 06 de Outubro de 2022
logo

13 de Novembro de 2013, 14h:48 - A | A

OBRAS DA COPA / VIADUTO DO DESPRAIADO

Secopa vai pagar \"aluguel\" para famílias vítimas de queda de encosta

Após forte chuva, moradores foram alertados sobre alto risco de desabamento e que procurassem casas de parentes

TITA MARA TEIXEIRA
DA REDAÇÃO



As nove famílias que foram retiradas de suas residências devido ao risco de desabamento de um barranco no bairro Santa Helena, no entorno das obras do Viaduto do Despraiado, serão hospedadas em casas alugadas, pagas pelo Governo do Estado.

A Secretaria Extraordinária da Copa (Secopa) realiza um levantamento para definir os locais e valores do "Aluguel Social".

De acordo com a secretaria, a decisão é fruto de um acordo entre a pasta e os moradores, que preferiram ceder apenas parte do terreno para a realização das obras do viaduto. Ainda conforme a Secopa, nem todas as famílias foram retiradas, mas a desapropriação total da região deve começar na próxima semana.

Após a conclusão do processo de desapropriação parcial, os moradores receberão indenização sobre o valor do terreno perdido. A desocupação é necessária para a construção do muro de contenção que visa garantir a segurança das residências na região. A obra será composta de estruturas flexíveis, com resistência e grande capacidade de drenagem, utilizado para estabilizar construções.

O prazo estimado para o término da obra é de 60 dias. A Defesa Civil da capital vem monitorando a região e já tinha alertado aos moradores sobre o risco de desabamento como consequência das chuvas.

Segundo o coordenador da Defesa Civil, Oscar Amélito, as famílias retiradas do local foram para a casa de parentes.

Em relação à segurança dos transeuntes do viaduto do Despraiado, a Secopa acredita que não haverá transtornos por conta de deslizamentos. Porém, a pasta afirma que, caso haja problemas, a construção poderá ser interditada para que o impasse seja solucionado.

O viaduto tem 325 metros de comprimento e nove de altura em seu ponto mais elevado. Está sendo construído na região do trevo do bairro Despraiado, proximidades do Parque Mãe Bonifácia, na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá.

Mesmo com o deslizamento de terra em seu entorno, ocorrido na manhã desta terça-feira (12), a inauguração do Viaduto do Despraiado, na Avenida Miguel Sutil, permanece com previsão de entrega para 18 de novembro, na segunda-feira que vem. De acordo com a Secretaria Extraordinária da Copa (Secopa-MT), o incidente não interferiu na construção.




Comente esta notícia