Cuiabá, 29 de Janeiro de 2023
logo

14 de Dezembro de 2014, 15h:10 - A | A

GERAL / É BEM MATO GROSSO!

Com 30 anos, ponte entre MT e GO ameaça cair; morador faz vídeo

A ponte foi construída em 1984, no governo de Júlio Campos (DEM)

KEKA WERNECK
DA REDAÇÃO



Moradores filmaram a ponte que liga o município de Ponte Branca, na região do Araguaia, em Mato Grosso, a Doverlândia, em Goiás, para denunciar as condições precárias da estrutura de madeira, por onde passam veículos de pequeno, médio e grande portes, correndo risco de despencar.

“Isso aqui está uma vergonha, um perigo, a ponte toda acabada, o guard rail (muro de contenção) tudo destruído. Enquanto não acontecer um acidente grave aqui a gente que não toma tino não”, reclama um morador, enquanto registra a situação da ponte. “Isso aqui não pode ficar desse jeito não, é uma divisa de Estado”. 

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

VEJA O VÍDEO

O vídeo circulou pelas redes sociais e, conforme o vereador Arlan Catulé (PMDB), que ajudou na campanha popular, isso sensibilizou o governador Silval Barbosa (PMDB), que, através de licitação, contratou uma empresa para fazer a reforma. “A região do Araguaia sempre foi meio abanadona”, reclama.

A ponte foi construída em 1984, no governo de Júlio Campos (DEM). Antes disso, havia acima do rio Araguaia uma pinguela, como conta o prefeito Humberto Nogueira, também do DEM. Por 30 anos, a estrutura sofreu poucas reformas, basicamente trocas do roda-pneu.

O prefeito explica que esta ponte é muito importante, inclusive porque muitos moradres de Ponte Branca vão para Mineiros, em Goiás, fazer tratamento de saúde. Segundo ele, a passagem de carretas com britas acabou detonando ainda mais a estrutura, que tem pilares de concreto, então, na opinião dele, para ficar bom, seria somente concretar a parte cima.

“Tenho a intenção de começar a obra dentro de 10 dias e até antes disso”, promete, reconhecendo que a ponte está em péssimo estado. A madeira para isso já chegou na cidade e está disposta próximo do rio.

 

 

Comente esta notícia