Cuiabá, 01 de Dezembro de 2022
logo

04 de Dezembro de 2016, 07h:55 - A | A

VARIEDADES / TRATAMENTO INOVADOR

Mineiro é o 1º tetraplégico brasileiro a voltar a andar

O engenheiro Bruno Medeiros tinha 24 anos quando sofreu um acidente de carro que o deixou tetraplégico

CATRACA LIVRE



O engenheiro Bruno Medeiros tinha 24 anos quando sofreu um acidente de carro que o deixou tetraplégico. Após oito anos vivendo em uma cadeira de roda por conta da lesão na sexta vértebra da coluna vertebral, o mineiro de Santa Rita do Sapucaí, no sul do Estado, conseguiu dar os primeiros passos graças a um tratamento inovador desenvolvido na França.

“Foi muito emocionante, foi uma sensação única para mim, amigos, família e todos que acompanham a minha luta”, diz em entrevista

>> Clique aqui e participe do grupo de WhatsApp 

A reação de Bruni ao tratamento surpreendeu os especialistas. Um dia após a cirurgia, relaizada em setembro de 2015, ele já conseguia mover as pernas. A técnica, avaliada em R$ 600 mil, foi trazida para o Brasil pelo médico Nucélio Ramos, da Escola Paulista de Medicina.

O tratamento consiste na implantação de um neuroestimulador na coluna que envia sinais elétricos leves através de eletrodos.

O aparelho foi desenvolvido para auxiliar cadeirantes na recuperação do controle da bexiga e do intestino, mas, em alguns casos, a expectativa é de que ajude também na recuperação dos movimentos dos membros inferiores.

Por ser novo, o tratamento ainda não é oferecido pelo SUS nem por nenhum plano de saúde. O engenheiro mineiro precisou entrar na Justiça para obrigar seu plano de saúde a arcar com os custos. Ele segue fazendo progressos com as sessões de fisioterapia.

Comente esta notícia