Cuiabá, 02 de Fevereiro de 2023
logo

02 de Novembro de 2014, 22h:30 - A | A

POLÍTICA / CONEXÃO PODER

Programa está de volta e estreia no próximo dia 16 na TV Pantanal

O programa de estreia deve ser com uma entrevista exclusiva com o governador eleito de Mato Grosso, Pedro Taques (PDT).

DA REDAÇÃO



Está marcada para o próximo domingo (16), às 22h na TV Pantanal (Rede TV!), a  reestreia na Televisão do programa de entrevistas Conexão Poder que, comandado pelo jornalista André Michells, traz nas noites de domingo temas polêmicos sobre a política, cotidiano e os bastidores do poder mato-grossense.

Há pouco mais de um mês fora do ar o CP, volta com novo cenário e  seguirá o mesmo formato com que inovou os programas de entrevistas na TV de MT. 

"Na TV Pantanal o Conexão Poder vai contar com a participação de experientes jornalistas e analistas políticos como o professor Louremberg Alves, Antero Paes de Barros, Igor Taques e o professor Haroldo Arruda".

Depois de um ano de veiculação na TV Rondon (SBT) o programa foi retirado do ar pela direção da casa, que alegou alto custo com a transmissão de satélite para os municípios de Sinop e Rondonópolis e pegou os telespectadores de surpresa com a saída do ar.

O Conexão Poder encerrou os trabalhos na antiga emissora no fim do mês de setembro com a rodada de entrevistas entre os candidatos ao governo de Mato Grosso.

A última entrevista foi com a candidata Janete Riva (PSD), numa rodada com os candidatos ao governo de Mato Grosso.  

RpMT

cenario novo

Novo cenário já está em fase de acabamento

O apresentador diz que a emissora tirou o programa do ar sem qualquer aviso ao público. "Ficou uma coisa sem explicação e até sem respeito ao telespectador que, em grande parte, já era cativo do Conexão no horário; mas são coisas do meio e a gente tem que superar com muito trabalho e dedicação", disse. 

Agora,  na TV Pantanal, o Conexão Poder vai contar com a participação de experientes jornalistas e analistas políticos como o professor Louremberg Alves, Antero Paes de Barros,  Igor Taques e o professor Haroldo Arruda. 

"É um diferencial. Antes tínhamos sempre que convidar jornalistas de outros veículos. Na Pantanal isso não vai ser necessário, com exceção de Ana Carla Costa [Folha do Estado] e Abdalla Zarour (RepórterMT) já que há um time de pesos pesados do jornalismo na emissora. É uma nova casa, com estrutura melhor e excelente qualidade de som e imagem; tudo 100% HDTV. O telespectador pode esperar muita informação e polêmica como sempre foi a tônica do programa", diz Michells. 

O jornalista revela que o programa de estreia possivelmente será com uma entrevista exclusiva com o governador eleito de Mato Grosso, Pedro Taques (PDT). 

Questionado sobre o que diria ao telespectador que ficou sem o programa de uma hora para outra, o jornalista foi enfático. "Faça como eu, troque de canal". 

Comente esta notícia