facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 22 de Julho de 2024
22 de Julho de 2024

05 de Dezembro de 2017, 08h:29 - A | A

POLÍCIA / FLAGRANTE

Mulheres são presas em MT por golpe do 'bença tia'

A vítima depositou R$ 1 mil na conta de Eliene Olímpio Santana, que alega que 'emprestou' a conta bancária por R$ 100 à Adriana Batista da Silva.

DA REDAÇÃO



Duas mulheres foram presas pela Polícia Civil, no município de Itiquira (357 km ao Sul de Cuiabá), por serem acusadas de envolvimento no golpe conhecido como “carro quebrado” ou “bença tia”. Adriana Batista da Silva e Eliene Olímpio Santana, foram autuadas em flagrante, no sábado (02), depois que uma vítima de Mato Grosso do Sul caiu no golpe e denunciou à polícia.

No boletim de ocorrência, registrado em Eldorado, Mato Grosso do Sul, a vítima de 32 anos contou que recebeu uma ligação de um homem que se passava por seu sobrinho, que informava estar indo para Eldorado (MS),  mas precisava de dinheiro para consertar o carro que havia 'quebrado' no meio do trajeto, entre Santos e São Paulo.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

A mulher disse que acreditou se tratar do sobrinho e efetuou depósito no valor de R$ 1 mil, em uma das duas contas correntes fornecidas, tendo como beneficiária Eliene Olímpio Santana, que mora em Itiquira (MT). Ela ainda contou que iria efetuar um segundo depósito e somente não realizou porque foi orientada pela funcionária da lotérica, que poderia se tratar de um golpe.

Acionados pela Polícia Civil de Eldorado (MS), rapidamente investigadores da delegacia localizaram a proprietária da conta corrente da Caixa Econômica. Durante entrevista com os policiais, Eliene confessou que emprestou a conta em troca de R$ 100, que seriam repassados por Adriana Batista Silva, também moradora de Itiquira.

O caso é investigado pela Polícia Civil de Mato Grosso do Sul.

Comente esta notícia