facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 20 de Junho de 2024
20 de Junho de 2024

18 de Novembro de 2022, 09h:38 - A | A

POLÍCIA / GOLPE DA MUÇARELA

Estelionatários dão prejuízo de R$ 4,7 milhões a supermercados de Cuiabá

Investigações identificaram que os suspeitos emitiram notas fiscais falsas, simulando vendas de queijo muçarela

DO REPÓRTER MT



Cinco mandados de busca e apreensão contra estelionatários que aplicaram golpes, utilizando nomes de diversos supermercados em Cuiabá, foram cumpridos pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (18), durante a Operação Caseus, deflagrada pela Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá. Os prejuízos causados às vítimas ultrapassam a casa de R$ 4,7 milhões.

Segundo as investigações coordenadas pela delegada Judá Marcondes, os criminosos firmaram contrato com empresa de laticínio para distribuir muçarela aos supermercados e emprestaram dinheiro com empresa de factoring para garantir a transação.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Para aplicar o golpe, os suspeitos emitiram notas fiscais e duplicatas falsas, simulando vendas de muçarela, não pagando a empresa de laticínio e tão pouco a factoring, deixando os supermercados como devedores dos títulos de crédito.

Diante dos levantamentos, a delegada Judá Marcondes representou pela prisão preventiva dos suspeitos, além de busca, apreensão e bloqueio das contas no valor de R$ 4,7 milhões. A Justiça ainda determinou uso de tornozeleira eletrônica aos investigados.

 

 

LEIA MAIS - Freira é presa por espancar "brutalmente" crianças em internato

Álbum de fotos

PJC-MT

PJC-MT

PJC-MT

Comente esta notícia