facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 13 de Julho de 2024
13 de Julho de 2024

14 de Julho de 2022, 18h:40 - A | A

PODERES / DEU PT

Sindicato Rural repudia apoio de Fávaro e Neri à aliança com Lula

Ruralistas apontam que a aliança de Fávaro e Neri com o PT revela que eles não estão voltados ao agro e à família brasileira.

LENDRO MAIA
DO REPÓRTER MT



O Sindicato Rural de Sinop manifestou repúdio ao pré-candidato ao senado Neri Geller (PP) e ao senador licenciado Carlos Fávaro (PSB) por causa da aproximação com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), pré-candidato na disputa pelo Palácio da Alvorada, nas eleições em outubro.

Em nota aberta ao público, a entidade que representa os interesses do agronegócio afirma que o repúdio é um pedido dos produtores rurais associados.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Esta semana, Neri oficializou a aliança com a federação PT, PV e PCdoB e confirmou que a primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, será sua suplente na chapa. Fávaro é o coordenador da campanha de Neri, sendo mantida essa composição, ficará contra o presidente Jair Bolsonaro (PL) na corrida pela reeleição da presidência da república. Algo que não “pegou bem” entre os apoiadores do atual presidente.

Neste trecho da nota, o sindicato ironiza o ex-ministro da agricultura e produtor rural, Blairo Maggi (PP), que já apoiou Lula em outras candidaturas, e insinua que Neri e Fávaro fazem parte de um plano para monopolizar o transporte do setor.

“O apoio nefasto de dois candidatos que se dizem do agro visa apenas dar suporte a um só grupo econômico, que “iMaggina” monopolizar o transporte e o mercado de milho, soja e algodão, tendo um de seus representantes um ex-senador”.

Em outro trecho, o sindicato aponta um comportamento oportunista. “Esse apoio político de “Fávaro e Nerizão” revelam apenas que seus perfis não estão voltados ao agro e à família brasileira, mas demonstra ação retrógrada e oportunista, que vem de forma acintosa, desconstruir os avanços obtidos.”

Confira a nota na íntegra:

O Sindicato Rural de Sinop, a pedidos de seus associados, vem a público para comunicar seu repúdio com a atitude de apoio de Carlos Fávaro e Neri Geller à eleição de candidatos do partido dos trabalhadores.

Como é de conhecimento público, o Partido dos Trabalhadores atua em conjunto e apoia o M.S.T., organização criminosa que invade, depreda, incendeia propriedades adquiridas com trabalho e esforço de famílias honestas.

Ademais, o ex-presidiário candidato a presidente já acena para o controle da imprensa, propriedades e, conseqüentemente, pretende tirar a liberdade da população brasileira impondo regime socialista como na Venezuela e em Cuba, tudo apoiado pelo Foro de São Paulo, organização politicamente criminosa fundada pelo ex-presidiário e Fidel Castro.

O apoio nefasto de dois candidatos que se dizem do agro visa apenas a dar suporte a um só grupo econômico, que iMaggina monopolizar o transporte e o mercado de milho, soja e algodão, tendo um de seus representantes um ex-senador.

Esse apoio político de “Fávaro e Nerizão” revela apenas que seus perfis não estão voltados ao agro e à família brasileira, mas demonstra ação retrógrada e oportunista, que vem, de forma acintosa, desconstruir os avanços obtidos nos legítimos movimentos sociais do setor produtivo, envergonhando os produtores rurais que tanto trabalharam para esse Estado.

Comente esta notícia

Francisco Alves 15/07/2022

Aí está: nítido e em cores as caras dos dois traidores de MT. Não votem nesses dois sujeitos nunca mais. TRAÍRAS NÃO MERECEM PERDÃO!!!!

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1