Cuiabá, 02 de Dezembro de 2022
logo

24 de Novembro de 2022, 09h:40 - A | A

PODERES / PROPOSTA NA CÂMARA

Quatro deputados de MT apoiam criação de CPI do abuso de autoridade do STF e TSE

Requerimento para criação de comissão parlamentar de inquérito precisa do apoio de 171 deputados para ser protocolado na Câmara.

DAFFINY DELGADO
DO REPÓRTER MT



Quatro deputados federais de Mato Grosso assinaram o pedido de abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que pretende investigar suposto abuso de autoridade em ações dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A proposta já conta com apoio de 150 parlamentares.

O requerimento está sendo feito pelo deputado federal Marcel van Hattem (NOVO-RS). Para criação da comissão na Câmara dos Deputados, ele precisa-se do apoio de 171 parlamentares.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Representando Mato Grosso no Congresso Nacional, os deputados federais Dr. Leonardo (Republicanos), Jose Medeiros (PL), Juarez Costa (MDB) e Nelson Barbudo (PL) assinaram o documento em apoio à investigação.

Por meio de uma publicação em seu perfil no Instagram na quarta-feira (23), Barbudo comunicou seus eleitores de que apoia a criação da CPI. Para ele, os atos praticados por alguns ministros já ultrapassaram o "absurdo".

"Já assinei a CPI do Abuso de Autoridade, do nosso querido @marcelvanhattem. O que a mais alta corte, na figura de alguns ministros está praticando, já ultrapassou as raias do absurdo", escreveu.

Medeiros também usou as redes sociais para anunciar seu apoio à investigação. "Contabiliza o meu aí também Marcel! O Brasil só tem um dono: O POVO!", escreveu em postagem.

Justificativa

De acordo com o documento, Marcel cita algumas situações que supostamente configurariam abuso de autoridade, como por exemplo, o bloqueio de 43 contas de empresas e pessoas físicas suspeitos de financiar atos contra a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na eleição presidencial e o bloqueio às redes sociais de parlamentares.

Comente esta notícia

Carlos Eduardo 24/11/2022

Dia 01/01, é Lulalá. Fora Bozominions, Bozotários, Bozotrouxas. Pau nessa cambada de bandidos terroristas

MITO2022 24/11/2022

Quem tirou Lula drão da cadeia ? ($TF). Quem limpou a ficha IMUNDA do Lula drão ? (T$E) Quem tornou Luladrão elegível ? ( $TF e T$E ) Quem comandou as eleições ? ( T$E e $TF ) Quem BOICOTOU o Bolsonaro? (T$E e $TF ) Quem SABOTOU o Bolsonaro ( $TF e T$E ). OU SEJA,,,,,,TUDO LEVA ATÉ O XANDÃO.

Raquel 24/11/2022

Até que em fim pareceu quatro homens de saco roxo essas CPI PRA PRENDER UM ADVOGADO DE BANDIDOS ESTAMOS COM NOJOS DESSES LULADRÃO ALEXANDRE DE MORAES,VAMOS PESSOAL!! PARABÉNS PELO TRABALHO!! DEUS ABENÇOE VCS!!

ELIO RODRIGUES AMADOR 24/11/2022

Cadê os outros 4

4 comentários

1 de 1