Cuiabá, 14 de Agosto de 2022
logo

30 de Agosto de 2021, 22h:05 - A | A

PODERES / QUEBRA DE HIERARQUIA

Juiz: PM que participar do 7 de Setembro armado sofrerá consequências graves

A Orientação foi expedida pelo Juiz Marcos Faleiros, ao coronel Jonildo José de Assis, comandante geral da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso.

RAUL BRADOCK
DA REDAÇÃO



Marcos Faleiros, juiz da 11ª Vara Especializada de Justiça Militar e Custódia de Cuiabá, emitiu uma orientação ao comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jonildo José de Assis, relacionada aos protestos previstos para 7 de setembro.

Na orientação, Faleiros afirma que os militares sofrerão consequências graves, caso cometam qualquer ato que atentem autoridades e instituições.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

“Qualquer quebra de hierarquia ou comportamento subversivo às instituições democráticas, haverá consequências graves e imediatas”, disse o magistrado.

No documento, o magistrado orienta ainda que seu comunicado fosse “devidamente replicado aos militares de Mato Grosso”.

Tensão

Conforme noticiado pelo #reportemt na semana passada, o deputado federal Emanuelzinho (PTB), relatou certo clima de tensão em relação aos protestos marcados para 7 de setembro.

Senado, Câmara e o Supremo Tribunal Federal (STF) pediram ao governo do Distrito Federal um reforço na segurança da Esplanada dos Ministérios.

Além de capital federal, estão programados protestos contra e a favor do governo do presidente Jair Bolsonaro em vários estados – inclusive Mato Grosso.

 

Ordem faleiros

 

Comente esta notícia