Cuiabá, 31 de Janeiro de 2023
logo

10 de Dezembro de 2014, 21h:23 - A | A

PAPO RETO / 'LEIS FANTASMAS'

Sob Pinheiro, Juíza recebe denúncia contra aprovação de PL na Câmara

DA REDAÇÃO



A juíza Celia Regina Vidotti, da Vara de Ação Civil Pública e Ação Popular, viu indícios de crime, em tese, praticado pelo presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, vereador Júlio Pinheiro (PTB) e determinou a continuidade da ação civil contra ele pública movida pelo Ministério Público Estadual (MPE). Recai sobre o petebista acusação de ter fraudado a aprovação de 3 leis que autorizaram suplementação orçamentária de R$ 365 milhões ao município de Cuiabá no final da gestão Chico Galindo (PTB) em dezembro de 2012, quando Pinheiro também era presidente da Câmara. Em decisão dada no dia 4 deste mês, a magistrada recebeu a denúncia e autorizou o prosseguimento da ação.

Na denúncia inicial tornada pública pelo vereador cassado João Emanuel (PSD), foi revelado que Júlio Pinheiro, teria fraudado a tramitação de 3 projetos de lei, originados das mensagens números 060, 061 e 083 todas de 2012 que foram aprovados sem que tivessem sido submetidos à votação em plenário pelos vereadores. Com Gazeta Digital

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia