Cuiabá, 02 de Fevereiro de 2023
logo

25 de Outubro de 2014, 10h:35 - A | A

PAPO RETO / TÉCNICOS DETONAM ARENA

Secopa não dá explicações sobre falta d'água no jogo entre Timão e Vitória

DA REDAÇÃO



A Secopa ainda não explicou o que gerou a falta d'água na Arena Pantanal, na última quarta-feira (22), quando Corinthians e Vitória da Bahia se enfrentaram pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico do Vitória, Ney Franco, era um dos mais revoltados com a falta d'água. "A CBF precisa rever essas punições que jogam as partidas para o interior. Não tinha água no vestiário para os nossos jogadores tomarem banho...nem na pia para eles lavarem as mãos. E isso em um estádio de Copa do Mundo", declarou o treinador do Vitória em entrevista ao ESPN. Mano Menezes também reclamou da Arena, dizendo que o estádio precisa estar com a manutenção em dia. Estádio da Copa do Mundo de 2014, a Arena Pantanal custou aos cofres públicos cerca de R$ 600 milhões. A Arena foi motivo de muita polêmica, briga na Justiça e demora em sua entrega para a Fifa realizar o Mundial. A Arena deve ser privatizada pelo atual governo. Uma comissão já foi montada para analisar todos os detalhes do Estádio. A possível incompetência no seu gerenciamento, pode ser um dos motivos da concessão que o Estado tanto sonha em fazer.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia

Marlon Cesar 25/10/2014

Pô, agora tá mais do que explicado do porquê a falta de àgua na Arena Pantanal. Tem que ser muito panaca para contratar uma empresa de Campo Grande para administrar jogos aqui em Cuiabá. Todos sabem da rivalidade que é Cuiabá x Campo Grande, pior que Fla-Flu, Palmeiras-Corinthians, Gre-nal, etc. Lógico que essa empresa fez faltar água de propósito para manchar o nome de Cuiabá nacionalmente. E já não bastou a burrice no jogo da Sel. Brasileira olímpica que faltou água, e permaneceram sustentando a idiotice e mantiveram essa empresa para jogar no lixo tudo de bom que teve na Copa para ferrar de vez no jogo da gaivota contra o Vitória/BA.

1 comentários

1 de 1