Cuiabá, 02 de Fevereiro de 2023
logo

09 de Novembro de 2014, 16h:12 - A | A

PAPO RETO / A FARSA DAS OSS

Hospitais de MT deixam de ser administrados por organizações

DA REDAÇÃO



Hospitais Regionais de Mato Grosso que eram geridos por Organizações Sociais de Saúde (OSS) passaram por intervenções após denúncias de irregularidades e má administração. O Hospital de Sinop, Colíder e Alta Floresta estavam sob gestão do Instituto Pernambucano de Assistência e Saúde (IPAS), mas agora serão geridos por interventores.

O fracasso das OSS é latente. Em Várzea Grande, o Hospital Metropolitano teve o contrato com o IPAS rescindido e a administração voltou para o Governo do Estado, após irregularidades na aplicação de mais de R$ 2,7 milhões em recursos.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia

Júnior 10/11/2014

Onde já se viu terceirizar serviços como saúde, fornecimento de água, e por aí a fora... Isso tem que ser responsabilidade do governo, que se não fosse corrupto conseguiria oferecer à população serviços dignos e à altura dos impostos que ela paga! Cambada...

1 comentários

1 de 1