Cuiabá, 01 de Dezembro de 2022
logo

05 de Dezembro de 2016, 20h:30 - A | A

GERAL / PASSAGEIROS SE REVOLTAM

Manutenção de avião em Brasília e tripulantes com hora 'estourada' cancelam voos em Cuiabá

Voo que sairia de Brasília, foi cancelado para manutenção da aeronave. Por consequência, o voo que sairia de Cuiabá, na mesma aeronave, não ocorreu porque excederia o horário da tripulação.

MARCIA MATOS
DA REDAÇÃO



Problemas em aeronave da Latam Linhas Aéreas (antiga TAM) geraram o cancelamento de voo que sairia de Brasília, com destino a Cuiabá e de outro que seguiria da Capital mato-grossense, com conexão no Distrito Federal, seguindo para São Paulo.

Ambos os voos ocorreriam na tarde desta segunda-feira (5), com a mesma aeronave.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

No Aeroporto Internacional de Brasília, os passageiros do voo 3674 chegaram a embarcar, mas logo depois receberam o comunicado de que o voo seria cancelado por problemas na aeronave.

Um dos passageiros prejudicados foi o ex-secretário de Segurança do Estado, Fábio Galindo, que viria à Capital mato-grossense para participar de palestra hoje do juiz federal Sérgio Moro, sobre o enfrentamento da corrupção, mas teve que suspender o plano.

Em Cuiabá, após cerca de duas horas de incerteza, a Latam comunicou aos passageiros que o voo seria cancelado.

Passageiros que tinham São Paulo como destino, onde embarcariam em voos internacionais, tentaram ser remanejados para voos de outras empresas aéreas, mas os pedidos não foram atendidos.

Não houve esclarecimento oficial do que impediu que ocorresse o voo. Informações repassadas inicialmente, foram de que não havia tripulação suficiente.

Ao , a jornalista Deisy Boroviec relatou os momentos de irritação e frustação por ter uma viagem da família cancelada. Ela, o filho e o marido seguiriam para São Paulo onde pegariam voo internacional para Joanesburgo, África do Sul.

A jornalista ressaltou que além da família dela, outras três pessoas reclamaram que perderiam voos internacionais se não fossem remanejadas para outros voos ainda nesta segunda-feira, mas ela só conseguiu remarcar o voo da Latam para esta quarta-feira (06).

Diante da situação, a jornalista frisou que teve prejuízos com passagens que não puderam ser remarcadas em Joanesburgo, assim como o carro, que estava com o aluguel já pago.

O entrou em contato com a assessoria de imprensa da Latam, que informou que o voo que saía de Brasília foi cancelado por manutenção da aeronave, já o que deveria ter saído de Cuiabá foi cancelado para não ultrapassar as horas de trabalho da tripulação.

CONFIRA A NOTA NA ÍNTEGRA

A LATAM Airlines Brasil informa que, devido à manutenção corretiva, o voo JJ3674 (Brasília - Cuiabá), que deveria ter partido às 15h25* de hoje (5), foi cancelado. Com isso, o voo foi reprogramado para seguir ao destino final sob o número JJ9901, para partir às 7h15 de amanhã (6), uma vez que a medida foi necessária para que a equipe de tripulantes não ultrapassasse o limite de horas de trabalho previsto por lei.

No sentido inverso, este remanejamento provocou também a alteração do voo JJ3675 (Cuiabá - Brasília), que partiria originalmente às 17h39* de hoje (5). Os passageiros desta rota foram reacomodados em um novo voo (JJ9002), programado para as 9h30* de amanhã.

A companhia lamenta o ocorrido e esclarece que está prestando a assistência necessária aos clientes. Reitera também que a segurança é um valor imprescindível e, sobretudo, todas as suas decisões visam garantir uma operação segura.

Comente esta notícia

Edson 06/12/2016

E a ANAC, o que diz sobre isso?

1 comentários

1 de 1