facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 15 de Julho de 2024
15 de Julho de 2024

12 de Junho de 2024, 18h:44 - A | A

ENTREVISTA / PINTA DE BOM MOÇO

Mulheres são atraídas por abusadores porque acreditam no "príncipe encantado"; vídeo

Agressores, abusadores e até assassinos vestem uma "carapuça" para conquistar o tão sonhado prêmio: ter posse sobre uma mulher

KARINE ARRUDA
DO REPÓRTER MT



Diferente dos filmes e desenhos animados em que o bandido é facilmente reconhecido como o vilão, seja pelas atitudes ou pela roupa, na vida real as coisas não funcionam assim. Mas, usando essas animações como exemplo, todo mundo já ouviu falar, uma vez ou outra, sobre a "teoria do príncipe encantado", ou seja, quando alguém mente sobre quem é para tentar passar a imagem de pessoa perfeita.

E é acreditando nisso que muitas mulheres são enganadas e acabam caindo na cilada de se envolverem com agressores, abusadores e até assassinos. Isso porque eles vestem uma 'carapuça' e fingem ser quem não são, usando o poder da conquista e da sedução. O problema é que até que essas vítimas descubram com quem realmente estão acompanhadas, pode ser tarde demais e o final pode ser trágico.

Em entrevista ao RepórterMT, o psicólogo e terapeuta Lieber Faiad fala sobre relacionamentos abusivos e esclarece o que leva uma pessoa a se apaixonar por alguém tão asqueroso assim. “Ele [abusador] vai primeiro conquistar, vai ter o prazer de ter aquela conquista e vai fazer o que for preciso, vai ser galanteador, vai ter boas palavras, vai impressionar, vai fazer todo um jogo de conquista, de sedução e vai conseguir para ele o prêmio”.

Saiba mais:


Acompanhe a entrevista completa:

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia