Cuiabá, 30 de Junho de 2022
logo

Sexta-feira, 11 de Novembro de 2011, 14h:50 - A | A

PEQUENA EMPRESA

Governo amplia limites para Simples, mas pequenos precisam de mais apoio

A presidente Dilma Rosseff sancionou ontem (10), a lei que amplia os limites de participação de micro e pequenas empresas no Simples Nacional. Ela destacou que é preciso ter sobriedade diante da crise econômica internacional. Com a nova lei que amplia os limites do Simples Nacional, o limite de enquadramento no regime simplificado de tributação subirá de R$ 240 mil para R$ 360 mil para as microempresas e de R$ 2,4 milhões para R$ 3,6 milhões para as pequenas empresas. O teto para os empreendedores individuais passou de R$ 36 mil para R$ 60 mil por ano. O caminho é este, facilitar a vida da pequena empresa que, afinal de conta, é o setor que mais gera emprego no país. Na outra ponta, enormer conglomerados abocanham gordos incentivos (renúncia) fiscais.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Comente esta notícia