Cuiabá, 30 de Junho de 2022
logo

Quarta-feira, 09 de Novembro de 2011, 09h:04 - A | A

COPA 2014

Contrato mal feito e cheio de ‘vícios’ pôs fim ao teleférico de Chapada

O problema que levou ao cancelamento do contrato no valor de R$ 6 milhões da obra do teleférico de Chapada dos Guimarães foi uma série de vícios no contrato. Entre eles, a falta de licenças ambientais para a construção do complexo turístico. Trata-se de um dos princípios básicos para um projeto desse tipo. Outro agravante seria que a obra, inicialmente seria tocada pela secretaria de Turismo do Mato Grosso, por fim foi licitada como "compra de um equipamento", e não como uma obra de construção civil. Assim, a Auditoria Geral do Estado recomendou o cancelamento do contrato, e o governo acatou. E segue o jogoooo!!!

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

>>> Receba notícias no Telegram e fique bem informado

Comente esta notícia