Cuiabá, 30 de Junho de 2022
logo

Sábado, 12 de Novembro de 2011, 19h:15 - A | A

HOSPITAL SANTA HELENA

Novos leitos podem desafogar Pronto-Socorro de Cuiabá

O Hospital e Maternidade Santa Helena inaugura no início de dezembro mais 60 leitos com a ajuda do governo estadual

MAYARA MICHELS

O Hospital e Maternidade Santa Helena inaugura no início de dezembro mais 60 leitos que prometem desafogar o fluxo de internação de pacientes do Pronto Socorro de Cuiabá. O investimento foi feito em parceria com o Governo do Estado, que faz parte do planejamento de reestruturação do atendimento da população pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Os novos leitos ficarão no 4º andar, onde está sendo construído.

A reforma que começou no mês de agosto, está em andamento e garantirá o dobro de leitos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neo Natal, além da ampliação da UTI adulta. Referência em maternidade, o hospital realiza em média 1.100 internações por mês e faz cerca de 600 partos por mês, em torno de 20 ao dia.

Segundo o diretor e médico do hospital, Marcelo Sandrin, 93% dos atendimentos do hospital é via rede pública e os outros 7% é pelos planos de saúde. “Hoje contamos com 170 leitos, vamos passar a oferecer 230 e a previsão é que no início do ano que vem, o estado faça outra parceria para a construção do 5º andar com mais 60 leitos”, comentou o diretor.

O custo da obra está previsto em R$ 2 milhões. Os equipamentos já foram adquiridos e o hospital aguarda apenas a conclusão da obra, com previsão de entrega para o final deste mês. As expectativas é que a nova estrutura implantada no hospital possa desafogar o fluxo de pacientes no Pronto-Socorro.

Comente esta notícia

giana castro 13/11/2011

Não vejo no que vá desafogar o PSMC, já que lá não atende partos, e o Sta Helena não tem serviço de emergência, no nível do pronto socorro. Vai melhorar apenas para pacientes encaminhados, para os de UTI, sem modificar o caos de pronto atendimento em Cuiaba;

Isabel Peckel 13/11/2011

estou gostando de receber as reportagens de MAYARA MICHELS e repasso aos brasileiros residentes na ALEMANHA...parabens pelo seu exelente trabalho.

2 comentários

1 de 1