facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 17 de Julho de 2024
17 de Julho de 2024

23 de Novembro de 2017, 15h:49 - A | A

POLÍCIA / NO ZERO KM

Travestis atacam homem com tesoura e espancam namorada grávida em VG

De acordo com o boletim e ocorrência, a dupla ‘entrou’ na frente do carro, roubou R$ 230 e espancou o casal.

RAUL BRADOCK
DA REDAÇÃO



Uma dupla de travestis roubou e espancou um casal que passava de carro no bairro Jardim Potiguar, na região conhecida como Zero Km – ponto de prostituição de Várzea Grande, na madrugada desta quinta-feira (23). O homem foi atacado com dois golpes de tesoura e a mulher, grávida de sete meses, foi espancada pela dupla.

Conforme o boletim de ocorrência, registrado pela Polícia Militar, o casal passava pelo local quando a dupla entrou na frente do carro.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

A vítima conta que um dos travestis, que não se identificou, entrou pela janela do carro e retirou a chave do contato, além de pegar R$ 180 que estava no painel do veículo.

O casal disse que, ainda sem entender o que estava acontecendo, chegou o travesti identificado como Adbe Marques da Silva, 19 anos, com uma tesoura na mão e deu dois golpes no homem – atingindo a cabeça e costas da vítima.

A dupla também acertou diversos chutes e socos na mulher, que está gravida de sete meses.  Ela foi encaminhada para o Pronto-Socorro de Várzea Grande, onde recebeu atendimento médico. O homem disse que iria procurar atendimento particular de saúde.

Ainda conforme o boletim de ocorrência , a dupla foi localizada pela polícia próximo ao local do crime e confessaram as agressões.

Na delegacia, porém, Adbe afirmou que o homem se negou a pagar um programa sexual no valor de R$ 100. Não há confirmação de que a vítima agredida é a mesma que contratou os serviços da travesti.

A dupla foi encaminhada para a Central de Flagrantes da cidade, onde o caso foi registrado como roubo e tentativa de homicídio.

Local violento

No mês passado, cinco travestis foram presas pela Polícia Militar, pelos crimes de tentativa de roubo e desacato. A situação também aconteceu no bairro Potiguar, região do Zero Km.

A situação aconteceu por volta das 5h30, quando a recepcionista de um motel acionou a PM após a denúncia de que um homem, de 41 anos, estava sendo vítima de roubo em um dos quartos.

Leia mais

Travestis são presas por tentativa de roubo e desacato no Zero KM

Comente esta notícia

Daniel Boone 23/11/2017

Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1