Cuiabá, 12 de Agosto de 2022
logo

08 de Dezembro de 2017, 09h:28 - A | A

POLÍCIA / FLAGRANTE

Mulher é presa em MT ao tentar sacar dinheiro de homem sequestrado e roubado no RS

A vítima de sequestro relâmpago foi obrigada a fazer uma transferência bancária de R$ 3 mil para uma conta e desta o montante foi transferido para a conta da mulher.

DA REDAÇÃO



Fernanda Cândida da Silva foi presa pela Polícia Civil, na agência da cooperativa de crédito Sicredi, em Paranatinha (380 km de Cuiabá), após denúncia de que ela iria sacar dinheiro referente a roubo realizado durante seqüestro relâmpago, no Rio Grande do Sul.

A vítima seria da cidade de Flores da Cunha (RS).

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Segundo as informações, o roubo aconteceu na quarta-feira (06), quando a vítima saía do banco e foi abordada por dois homens, que o forçaram a fazer uma transferência de R$ 3 mil para uma conta indicada por eles. O beneficiário da transferência fez uma nova transação, passando o dinheiro para a conta de Fernanda Cândida, residente da cidade de Paranatinga.

Diante da denúncia, os policiais foram até o banco, onde realizaram a prisão em flagrante, no momento em que ela tentava sacar o dinheiro no caixa.

Fernanda foi conduzida à Delegacia de Paranatinga e responderá pelo crime de roubo majorado. Durante a ação, os policiais também apreenderam uma menor de idade, que emprestou o aparelho celular para que Fernanda recebesse as informações dos comparsas.

 

A mullher é conhecida da polícia, por ter passagens criminais em Rondonópolis (212 km ao Sul) pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse irregular de arma de fogo, e também pelo fato que seu marido foi preso em Paranatinga, no ano de 2016 por tráfico de drogas, crime pelo qual continua detido.  

Comente esta notícia