facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 13 de Julho de 2024
13 de Julho de 2024

19 de Junho de 2024, 08h:06 - A | A

POLÍCIA / GUERRA DE FACÇÕES

Dupla que decapitou mulher em matagal morre em confronto com policiais militares

O corpo de Simone Pereira foi encontrado no início da tarde desta terça-feira, desovado em uma área de mata.

THIAGO STOFEL
REPÓRTERMT



Dois criminosos acusados de decapitarem a cabeça de Simone Pereira, em São José do Rio Claro (298 km de Cuiabá), morreram em confronto com policiais militares na noite desta terça-feira (18).

De acordo com o boletim de ocorrência, os criminosos envolvidos na morte da mulher retornaram ao local, região de mata, em que a vítima estava para tentar acobertar os rastros que haviam deixado.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Policiais civis e militares foram ao local, mas não conseguiram capturar os assassinos, que conseguiram fugir.

Horas depois, os agentes foram informados que os criminosos estavam escondidos em uma residência na área rural da cidade. No local, os policiais encontraram a dupla, que reagiu a abordagem atirando contra os militares, mas acabaram sendo atingidos.

Eles receberam atendimento médico, mas não resistiram aos ferimentos.

A Polícia Civil ainda acredita que mais criminosos estão envolvidos na morte da mulher.

Decapitada

O corpo de Simone Pereira foi encontrado no início da tarde desta terça-feira (18), desovado em uma área de mata. A mulher era integrante de uma facção criminosa e bastante conhecida dos policiais, já que era investigada por envolvimento em dois homicídios ocorridos na cidade. 

Além de sinais de tortura pelo corpo, a cabeça da vítima foi encontrado poucos metros de onde o cadáver estava. 

Comente esta notícia