facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 21 de Junho de 2024
21 de Junho de 2024

10 de Dezembro de 2022, 10h:44 - A | A

POLÍCIA / 5 HORAS DE NEGOCIAÇÃO

Bope liberta mulher esfaqueada e mantida em cárcere

O criminoso se trancou com a vítima em um quarto da residência, em posse de uma faca, ameaçando matar a mulher caso os militares entrassem na casa

CHRISTINNY DOS SANTOS
DO REPÓRTER MT



Uma mulher, de 38 anos, foi resgatada pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), nesta sexta-feira (09), após ser esfaqueada, ameaçada de morte e ser mantida em cárcere privado pelo marido, no bairro Cristo Rei, em Várzea Grande. A ação durou cerca de cinco horas.

Bêbado, o homem passou a agredir o enteado, filho da vítima, assim que chegou em casa. Ele passou a segurar o adolescente, 14, pelo pescoço, na tentativa de se defender, o menor reagiu acertando o agressor no nariz com um aparelho celular. Em seguida, o criminoso esfaqueou a mãe do menino.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

O adolescente deixou a casa e correu para pedir ajuda a um vizinho.

A Polícia Militar foi acionada para conter o agressor. O homem se trancou com a vítima em um quarto da residência, em posse de uma faca, ameaçando matar a mulher caso os militares entrassem na casa. O Bope precisou intervir para realizar gerenciamento de crise com risco iminente.

A negociação do batalhão de operações especiais teve início às 01:20 da manhã e levou cerca de quatro horas até que o criminoso deixasse a faca e se rendesse.

Com vários ferimentos, a vítima precisou ser encaminhada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao pronto socorro de Várzea Grande.

O agressor será indiciado por ameaça e lesão corporal, sequestro e cárcere privado.

Comente esta notícia