Cuiabá, 02 de Outubro de 2022
logo

19 de Dezembro de 2013, 16h:38 - A | A

POLÍCIA / CENTRO DE CUIABÁ

Bandido assalta joalheria, dá coronhada em comerciante e é preso pela Rotam

O suspeito roubou a loja junto com uma comparsa. Ele foi preso após o assalto, mas a mulher está foragida.

JOÃO RIBEIRO
DA REDAÇÃO



Um assalto a uma joalheria por pouco não terminou em tragédia, na manhã desta quinta-feira (19), no Calçadão Antônio Maria, região Central de Cuiabá. Um idoso, dono do estabelecimento roubado, ficou ferido com uma coronhada na cabeça. O suspeito foi preso em flagrante por uma guarnição da ROTAM.

Segundo informações da Polícia Militar, por volta das 11h40, Rafael Ferreira, de 21 anos, entrou na loja, no térreo do edifício comercial ‘Ana Paula’, junto com uma mulher e anunciou o assalto.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Muito exaltado, o criminoso deu uma coronhada na cabeça do dono da loja. Após a agressão, a vítima conseguiu se proteger atrás do balcão do comércio, para não ser baleada. Já outra funcionária se trancou dentro da sala que estava o cofre.

Acuado, o casal pegou algumas joias do mostruário e fugiu. Na fuga, os dois se separaram, abandonando uma motocicleta estacionada próximo ao comércio.

Minutos depois, após ser acionada pelo Centro Integrado de Operações de Segurança de Mato Grosso (CIOSP), uma guarnição da ROTAM conseguiu prender o suspeito. Ele foi levado a Central de Flagrantes para ser lavrado o boletim de ocorrência. Já a mulher, comparsa do bandido, foi presa horas depois na residência dela, no bairro Jardim União, em Várzea Grande.

O comerciante ferido teve que ser encaminhado ao Pronto Socorro Municipal, devido o corte na cabeça.

VÍTIMA DE BALA PERDIDA

Uma mulher foi vítima de uma 'bala perdida'  no abdômen durante um assalton no Centro de Cuiabá na manhã desta quinta-feira (19).

Conforme informações da Polícia Militar, durante uma perseguição a um suspeito, que teria roubado uma loja de eletrodoméstico, um PM teria atirado na direção do assaltante,  mas o projétil teria respingado no chão e atingido a vítima.

A mulher foi encaminhada consciente a um hospital particular da capital, porém não se tem informação sobre o estado de saúde dela. A PM vai abrir um inquérito para apurar o caso.

Com rondas pela região, a PM prendeu um suspeito de ter roubado a loja. Ao ser levado a Central de Flagrantes da capital, o homem negou o crime, já que estava desarmado.

Comente esta notícia