Cuiabá, 01 de Fevereiro de 2023
logo

24 de Janeiro de 2023, 17h:36 - A | A

GERAL / "AGRESSÃO E DESRESPEITO"

Alan Porto detona "cenário de vandalismo" causado pelo Sintep em escola de VG

A confusão se deu na segunda-feira (23), durante audiência pública que discutia a militarização da Escola Adalgisa de Barros.

DAFFINY DELGADO
DO REPÓRTER MT



O secretário de Estado de Educação, Alan Porto, detonou e classificou como "cenário de vandalismo" a confusão causada por integrantes do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público (Sintep), durante audiência pública que discutia a militarização da Escola Adalgisa de Barros, em Várzea Grande.

“Sob coordenação de pessoas sem qualquer compromisso com a educação, a audiência se tornou cenário de vandalismo e de descontrole emocional, o que é reprovável e não condiz com as práticas ensinadas a crianças e jovens em sala de aula”, disse.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

A confusão foi filmada por testemunhas na noite de segunda-feira (23). Na gravação, sindicalistas são flagrados gritando e tumultuando a audiência na tentativa de impedir a explanação militar aos pais de alunos.

De acordo com o secretário, a proposta era transformar o ato em espaço de diálogo democrático, de forma civilizada e com responsabilidade. No entanto, não foi isso o que aconteceu.

Numa das imagens, é possível ver uma mulher indo pra cima de um PM enquanto ele realizava a palestra, gritando diante do rosto dele, além de chocar seu corpo contra o dele, de forma intimidadora.

“O que vimos foram cenas lamentáveis de provocação e desordem, coordenadas por pessoas ligadas ao Sintep-MT, com atitudes reprováveis”, ponderou.

Para Alan Porto, o "péssimo exemplo" dessas pessoas ligadas ao sindicato, levou a comunidade estudantil a uma perda irreparável. Ele ainda destacou que, apesar disso, os trabalhos de "transformação da educação" vão continuar.

“Educação se faz com civilidade, transparência e com lucidez. Não será no grito ou com práticas violentas que vão interromper os avanços na Educação Pública no Estado de Mato Grosso”, declarou.

“Vamos continuar com o propósito e a obrigação de transformar a Educação Pública de Mato Grosso com equidade e compromisso com a qualidade”, emendou.

Leia mais

Sintep causa baderna e desrespeita policiais em audiência sobre militarização de escola em VG

Comente esta notícia

Miriam Vitorino 24/01/2023

Parabéns ao Secretário de Educação, o respeito deve prevalecer sempre!

1 comentários

1 de 1