Cuiabá, 06 de Outubro de 2022
logo

15 de Novembro de 2013, 16h:24 - A | A

CIDADES / A ESPERA DE TURISTAS

Mendes tenta revitalizar Porto, Alencastro e Lagoa do CPA

De acordo com a Prefeitura, todas as praças da capital mato-grossense serão revitalizadas antes do mundial.

VINÍCIUS LEMOS
DA REDAÇÃO



Diversas reformas a bens públicos estão previstas para ocorrer em Cuiabá, antes da Copa do Mundo de 2014. De acordo com a Prefeitura, anteriormente ao mundial, todas as praças da capital mato-grossense serão revitalizadas e estilizadas com características próprias. O objetivo das reformas seria criar novos atrativos aos turistas que assistirão aos jogos no município. Confira algumas das obras em patrimônios públicos que serão desenvolvidas:

PROJETO PORTO CUIABÁ
O “Projeto Porto Cuiabá”, idealizado pelo prefeito Mauro Mendes, tem como objetivo revitalizar toda a orla do Rio Cuiabá. O projeto já foi concluído e a sua licitação está em fase de conclusão. A estimativa da Prefeitura é de que a revitalização seja concluída antes da copa do mundo de 2014. 

 O empreendimento terá 1.350 metros de extensão, com equipamentos que incentivarão a prática de esportes, eventos culturais e comércio. O custo total do projeto foi avaliado em aproximadamente R$ 30 milhões. 

 Coordenado pelo arquiteto e urbanista Paulo Crispim, o projeto prevê a restauração da Praça Luís Albuquerque, ciclovia ao longo da orla, calçadão de 12 metros de largura onde serão instalados equipamentos para práticas de esporte, assim como bares e lanchonetes.

 Para que o projeto fique pronto dentro do prazo esperado, a região será dividida em lotes, que serão reestruturados por cinco empresas, escolhidas por meio de licitação. A Prefeitura afirmou que já começou a realizar os trabalhos iniciais para preparar o local para as obras.

Reprodução

Revitalização da praça Alencastro teve início nesta terça-feira (12)

PRAÇA ALENCASTRO

A Praça Alencastro, localizada na região central da Capital, está sendo revitalizada pela Secretaria de Serviços Urbanos de Cuiabá. A obra deverá ser concluída até o dia 15 de dezembro. De acordo com a Prefeitura, a praça estava abandonada e sem receber investimentos. Reforma custará R$80 mil. De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Cuiabá, a obra está orçada em R$80 mil e, em razão do baixo custo, não será licitada. Uma carta-convite foi enviada às empresas, que poderiam realizar a reforma.

 O secretário de Serviços Urbanos de Cuiabá, José Roberto Stopa, afirmou que a intenção é devolver o local, que há tempos estava abandonado, antes do natal. “A Praça Alencastro é um dos pontos turísticos mais importantes da capital, mas há tempos não recebia investimentos. Queremos reformar a área, para poder devolvê-la para a população antes do Natal”, declarou.

 Nesta segunda-feira, foram colocados tapumes no entorno do chafariz da Praça Alencastro. As obras começaram, efetivamente, nesta terça-feira (12). A área deverá ser iluminada por lâmpadas de LED e alguns equipamentos serão trocados.

PARQUE DAS ÁGUAS

De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Cuiabá, há a intenção de que seja criada uma espécie de Parque das Águas no município. O projeto seria implantado na lagoa que está localizada em frente à Assembleia Legislativa de Mato Grosso. A ideia inicial é a de que o local seja revitalizado, com a implementação de quiosques no seu entorno e uma fonte luminosa.

 Não há nenhum prazo para a criação do Parque das águas pelo fato de que, conforme a Prefeitura de Cuiabá, há apenas uma ideia inicial do projeto. Nenhum recurso começou a ser captado e, somente após isso ocorrer, terá início a produção do edital de licitação.

 
 

 Inicialmente, o projeto está orçado em R$ 18 milhões. O prefeito Mauro Mendes (PSB) adiantou que R$ 5 milhões já estão sendo viabilizados junto à Aprosoja (Associação dos Produtores de Soja) e Ampa (Associação dos Produtores de Algodão). 

 
 

 De acordo com o projeto inicial, o parque terá 270 mil m², com 1.500 metros de pista de corrida e caminhada, 1.600 metros de ciclovia, dois quiosques, duas academias ao ar livre, dois parquinhos infantis e um mirante. 

 A partir das 20h, os visitantes poderão conferir um espetáculo com fontes luminosas no centro da lagoa, que possui 80 mil metros quadrados de lâmina d"água.

Comente esta notícia