Cuiabá, 30 de Junho de 2022
logo

Segunda-feira, 24 de Outubro de 2011, 17h:05 - A | A

SAÚDE PÚBLICA

Deputado diz que é preciso investir na ‘base’ estrutural

O deputado Aray Fonseca chama atenção para estruturação das policlínicas e Postos de Saúde da Família

MAYARA MICHELS

O deputado Aray Fonseca (PSD) – com experiência na área da saúde – afirma que o Sistema Único de Saúde (SUS) da grande Cuiabá pode ser resolvido com um terço do valor praticado pela Organização Social de Saúde (OSS). “Se colocarmos OSS em todo o sistema, neste caso, o metropolitano vai ter que fazer consulta básica e o estado pagar três vezes mais”, apontou o parlamentar, cuja formação é médica.

Para o deputado, existe apenas uma única coisa a ser feita. Na opinião dele, basta o governador Silval Barbosa (PMDB) chamar todas as secretarias, os prefeitos, e disponibilizar recursos financeiros às Prefeituras. Outro ponto de vista defendido por ele são os investimentos na base, que são as policlínicas e Postos de Saúde da Família.

Aray disse que as administradoras prestam um ótimo serviço. Porém, ele chama atenção para os preços abusivos praticados por elas. “Não temos necessidade de gastar tanto assim para resolver o problema. Precisamos de investimentos e priorizar todos os setores, um depende do outro. Por não serem priorizados, todos correm para o Pronto Socorro”, argumentou.

Na Capital, o Pronto-Socorro está fechado há uma semana devido o desabamento do teto. Os pacientes estão sendo encaminhados para Várzea Grande que não tem estrutura física para atendê-los. “A prefeitura afirma que vai passar a administração para as OSS. Entretanto o estado teme em fazer o processo. Diante dessa indecisão nada é feito. A tese dos gestores é de que irá passar e nada acontece”, questionou o deputado.

Comente esta notícia