Cuiabá, 05 de Outubro de 2022
logo

23 de Novembro de 2013, 11h:00 - A | A

CIDADES / SÁBADO E DOMINGO

240 mil pessoas ficam sem água para retirada de tubulação do subsolo no Santa Rosa

Para amenizar o desconforto causado pela falta de água, a CAB vai disponibilizar caminhões pipas para a região

ALINE FRANCISCO
DA REDAÇÃO



Os 240 mil moradores que são atendidos pelas Estações de Tratamento de Água (ETAs) São Sebastião e Ribeirão do Lipa ficarão totalmente sem água neste sábado e domingo. O fornecimento foi suspenso para que seja concluído o remanejamento das tubulações subterrâneas da Trincheira Santa Rosa.

De acordo com a CAB Cuiabá, empresa responsável pelo serviço de água e esgoto da Capital, as obras de mobilidade urbana executadas pela Secopa em vários pontos da cidade exigiram a mudança de parte da infraestrutura de abastecimento de água existente. Para a remoção, neste caso do Santa Rosa,  a concessionária construiu novas tubulações contornando a trincheira.

A última etapa desse trabalho será remover parte da tubulação antiga e fazer a conexão com o novo trecho. Essa atividade será realizada nos dias 23 e 24, porém será necessário interromper o abastecimento entre as 22 horas da sexta-feira (22) e 6 horas da segunda-feira (25) para os bairros atendidos pelas ETAs,  pois a energia será interrompida no ponto de captação dos dois sistemas. 

A retomada do abastecimento ocorrerá a partir da segunda-feira (25), contudo, o sistema de distribuição de água necessita de um período maior para ser pressurizado e recuperar a vazão ideal, para que a água chegue às residências. Esse período após a retomada do abastecimento pode implicar em intermitências ao longo dos dias. 

Para amenizar o desconforto causado pela falta de água, a CAB vai disponibilizar caminhões pipas para a região, priorizando o atendimento para escolas, hospitais e creches.

No mês de outubro o RepórterMT denunciou que as obras na trincheira estavam paralisadas. Na ocasião, operários confirmaram que a CAB não havia retirado as manilhas e as tubulações de água e esgoto, por isso o trabalho estava suspenso. (Clique aqui e confira)

Comente esta notícia