facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 17 de Julho de 2024
17 de Julho de 2024

26 de Outubro de 2017, 11h:20 - A | A

POLÍCIA / DISPUTA POR TERRA

Tentativa de chacina deixa um morto e outro ferido em MT

Quatro homens armados invadiram uma área rural em Luciara, onde estavam outros três homens e houve troca de tiros.

CAMILA PAULINO
DA REDAÇÃO



Uma briga por terra resultou na morte de um homem, ainda não identificado, na região rural de Luciara (1190 km de Cuiabá), no fim da tarde de quarta-feira (25). Outro homem foi baleado e um está desaparecido.

De acordo com informações da Delegacia de Porto Alegre do Norte, um grupo armado, chegou em uma caminhonete S-10 e invadiu a área, onde estavam três homens. 

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Assim que percebeu a chegada dos invasores, o homem ainda não identificado, atirou contra eles e foi atingido por um disparo na cabeça. Ele morreu na hora. Apenas um homem, que estava no local, conseguiu fugir sem ser atingido por tiros.

Um dos invasores foi baleado e está internado no hospital de Porto Alegre do Norte, outro se escondeu dentro de um carro, outros dois estão foragidos.

A caminhonete com marca de tiros foi aprendida pela Polícia Civil de Porto Alegre do Norte, que investiga o crime.

Policiais Civis do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra) fazem buscas na região para tentar localizar os foragidos, que já foram identificados.

Policiais civis estão no local coletando dados do crime. 

Chacina em Colniza

Em abril deste ano nove pessoas foram assassinadas por quatro atiradores encapuzados na  Gleba de Taquaruçu do Norte, no distrito de Guariba, que fica a cerca de 300 km de Colniza (a 1065 km de Cuiabá). 

De acordo com as investigações, a chacina foi ordenada por um madeireiro da região, que pretendia afugentar os moradores das terras para poder extrair as árvores de alto valor.

 

Quatro executores cometeram a chacina. 

Além de ser alvo de antigo conflito agrário, a área da Gleba não pertence ao Estado, nem à União e é alvo de disputa judicial.

Leia mais 

Um mês após a chacina que vitimou 9, moradores temem novo ataque

Juiz vê ligação entre madeireiro e supostos matadores

Dono de madeireira ordenou chacina para explorar terra com ouro

Famílias buscam por homens que desapareceram ao fugir de matadores

Rogers garante prisão de envolvidos em torturas e execuções

Segurança Pública já teria nomes de mandantes da chacina de Colniza

Politec identifica as 9 vítimas da chacina em Colniza; veja nomes

Corpos das nove vítimas da chacina chegam em Colniza

Bope reforça policiamento e 'caça' envolvidos em chacina em Colniza

Secretaria confirma cinco mortos em chacina em Colniza

Comente esta notícia