facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 21 de Junho de 2024
21 de Junho de 2024

18 de Novembro de 2022, 18h:50 - A | A

POLÍCIA / PROTESTOS EM RODOVIAS

Produtor rural diz ter sido agredido ao tentar furar bloqueio em MT

A situação foi registrada na manhã desta sexta-feira (18), em Pontes e Lacerda.

DAFFINY DELGADO
DO REPÓRTER MT



Um produtor rural de 53 anos diz ter sido agredido na manhã desta sexta-feira (18), no momento em que tentou furar um bloqueio na BR-174, na cidade de Pontes e Lacerda (448 km de Cuiabá), onde manifestantes trancaram a rodovia em protesto contra ministro Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

O ato, que teve início ainda na noite de quarta-feira (17), é em retaliação à decisão do ministro, que determinou o bloqueio de contas bancárias de empresários e empresas que foram apontados como supostos patrocinadores dos atos contra a vitória de Lula (PT), que acontecem desde 30 de outubro.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

A situação foi registrada pela polícia como lesão corporal, por volta das 08h, nas proximidades do Posto Tuiuiú.

O trabalhador contou que estava em seu veículo Fiat Uno, quando se deparou com o bloqueio parcial da rodovia, feito por um grupo de caminhoneiros e pessoas ligadas ao agronegócio da região.

Quando tentou passar, foi impedido pelos manifestantes, que colocaram paletes na pista. A vítima, entretanto, acelerou o carro e passou por cima dos objetos.

Neste momento, ele teria sido agredido. Sofreu um ferimento nas costas e a camiseta que vestia foi rasgada. O homem afirmou que não conseguiu ver o autor da agressão.

Após a situação, ele procurou uma delegacia da Polícia Civil para fazer a denúncia e o caso será apurado.

Bloqueios

Dois trechos da BR-174 chegaram a ser totalmente interditados pelos manifestantes no estado. Agora, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o fluxo foi liberado para carros de passeio, ônibus e ambulâncias.

Em Mato Grosso, existem mais de 14 pontos de manifestações nas rodovias federais. Os protestos seguem por tempo indeterminado.

Leia mais

Caminhoneiros voltam a bloquear rodovias em Mato Grosso; veja vídeo

Comente esta notícia