Cuiabá, 02 de Fevereiro de 2023
logo

14 de Dezembro de 2014, 15h:57 - A | A

POLÍCIA / ATRÁS DAS GRADES

Padrasto que espancou bebê se entrega; criança morreu no hospital

O suspeito prestou depoimento ao delegado responsável pelo caso, André Renato, e foi encaminhado a Penitenciária Central do Estado (antigo Pascoal Ramos), em razão da prisão temporária expedida contra ele pela Justiça.

JOÃO RIBEIRO
DA REDAÇÃO



Tallys Henrique Miranda, acusado de ter matado o próprio enteado, H.B.G., de um ano e nove meses de idade, se apresentou, agora há pouco, na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Cuiabá.

O suspeito prestou depoimento ao delegado responsável pelo caso, André Renato, e foi encaminhado para a Penitenciária Central do Estado (antigo Pascoal Ramos), em razão da prisão temporária, expedida contra ele pela Justiça.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

O suspeito estava foragido desde terça-feira (9), quando a mãe da criança, Danyella Jhéssica Batista, de 23 anos, teria chegado na casa dela, no bairro Dom Aquino, na capital, e encontrado o filho inconsciente e com vários hematomas. Ao indagar o marido, Tallys, ele não teria dito o que houve com o bebê.

Com isso, a mãe pediu ajuda a uma tia e as duas, ainda na companhia de Tallys, levaram a criança ao Hospital Universitário Geral (HGU). No entanto, o menino morreu no box de emergência. 

Flagrando as marcas de espancamento no corpo de H.B.G., os médicos acionaram a PM, mas não conseguiu prender o suspeito.

Comente esta notícia