facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 19 de Julho de 2024
19 de Julho de 2024

21 de Dezembro de 2017, 13h:45 - A | A

POLÍCIA / TRÁFICO EM VG

Operação da Polícia Civil cumpre mandados e fecha 'bocas de fumo'

A operação ocorreu após denúncias e investigação de policiais que se infiltraram no bairro para fazer o levantamento das chamadas “bocas de fumo”.

DA REDAÇÂO



A Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecente (DRE), da Polícia Judiciária Civil, deflagrou na manhã desta quinta-feira (21) a Operação Vitória Régia, para combater a ação de traficantes e desarticular bocas de fumo, em Várzea Grande, no bairro de mesmo nome da operação.

Dez mandados de buscas e apreensão domiciliar foram cumpridos, em pontos usados para a venda de drogas. Os alvos foram levantados após diligências para apurar a veracidade das denúncias anônimas recebidas pela delegacia especializada.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Durante as investigações, os policiais civis identificaram os locais apontados como comércio de drogas no bairro Vitória Régia.

Os indícios colhidos pelo Núcleo de Inteligência (NI) da DRE apontavam a presença de “bocas de fumo” que atuam fortemente na cidade de Várzea Grande e, são centralizadas na mesma região, causando temor aos moradores de bem que têm que conviver com a situação.

As medidas cautelares de busca e apreensão, cumpridas nesta quinta-feira (21), tiveram apoio dos policiais civis da Gerência de Operações Especiais (GOE), e Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

Conforme o delegado de polícia, Marcelo Miranda Muniz, o foco no bairro Vitória Régia era uma demanda da especializada, diante das denúncias recebidas de moradores da localidade. Razão pela qual nos últimos dias, os investigadores se empenharam nesse bairro no intuito de apurar as denúncias recebidas e, posteriormente, cumprir os mandados de busca.

“Para o trabalho de investigação, bem como a deflagração desse trabalho, é crucial que a sociedade continue denunciando, pois todas e qualquer denúncia, serão apuradas pela DRE. O cidadão de bem merece maior sensação de segurança. Isso que pretendemos com a operação desencadeada e outras vindouras”, destacou o delegado Marcelo Miranda Muniz.

Comente esta notícia