Cuiabá, 01 de Fevereiro de 2023
logo

24 de Janeiro de 2023, 21h:15 - A | A

POLÍCIA / REQUINTES DE CRUELDADE

Assassinos executam jovem, gravam o crime e se exibem

Polícia recebeu uma denúncia informando onde estava o corpo, quem seriam os assassinos e onde eles estavam escondidos.

APARECIDO CARMO
DO REPÓRTER MT



Luan Neris Gomes Amorim, de 24 anos, foi morto com facadas no último sábado (21), no distrito de Santo Antônio do Fontoura, no município de São José do Xingu (950 km de Cuiabá). O crime foi filmado pelos assassinos e compartilhado em redes sociais. Um dos criminosos foi preso nessa segunda-feira (23).

De acordo com a Polícia Civil, as investigações tiveram início após o recebimento de uma denúncia anônima informando a respeito de um homicídio na região. O denunciante informou onde o corpo estava desovado, quem seriam os assassinos e onde eles estariam escondidos.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Segundo a denúncia, os criminosos filmaram o crime e estavam exibindo o registro, demonstrando-se orgulhosos por terem matado a vítima. Durante as diligências, a polícia conversou com familiares de Luan que confirmaram que ele tinha saído de casa com dois homens e não foi mais visto.

A partir dessas primeiras informações, teve início as buscas pela vítima. Confirmando a informação da denúncia, os policiais encontraram o corpo numa região próxima à sua residência. Logo em seguida, os investigadores foram até a casa onde os autores do crime estavam escondidos.

No momento da abordagem policial, só um dos assassinos estava na residência. Ele foi conduzido à delegacia de polícia da cidade, onde foi autuado em flagrante pelo crime de homicídio.

As investigações ainda estão em curso e, no momento, os agentes estão em busca do segundo assassino que é considerado foragido.

LEIA MAIS - Bandidos que degolaram 4 em Cuiabá são "serial killers"

Comente esta notícia