facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 14 de Julho de 2024
14 de Julho de 2024

26 de Outubro de 2017, 09h:46 - A | A

PODERES / FUNDO DO POÇO

'Cada dia com sua agonia', diz Taques sobre possível atraso de salários de servidores

O governador não confirma, mas segundo líder do Governo, na Assembleia Legislativa, deputado Dilmar Dal'Bosco, é grande o risco de atraso no pagamento dos salários

CAROL SANFORD
DA REPORTAGEM



O governador Pedro Taques (PSDB) evitou comentar, na manhã desta quinta-feira (26), sobre o risco de atraso de pagamento dos salários dos servidores públicos do Estado, conforme alertou o líder do Governo, na Assembleia Legislativa, deputado Dilmar Dal’Bosco (DEM).

Na noite de quarta-feira (25), Dilmar revelou à imprensa que é grande a preocupação da equipe econômica do Governo quanto à questão.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

“O secretário de Fazenda [Gustavo Oliveira] tem falado que podemos ter problema para pagamento de salário de servidores públicos já”, declarou o deputado.

O governador também não comentou se será necessário escalonar o pagamento de salários no mês de novembro, devido à dificuldade econômica do Executivo.

“O salário do Governo vai ser resolvido. Isso de acordo com o fluxo de caixa . O salário é dia 10. Cada dia com a sua agonia”, comentou.

Neste mês de outubro, o Governo precisou escalonar o pagamento dos salários dos servidores. Três secretarias, Saúde, Educação e Segurança Pública, que correspondem a 78% do funcionalismo, receberam os vencimentos no dia 10, o restante foi pago no dia seguinte.

Devido ao atraso no pagamento de R$ 55 milhões do duodécimo, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (PSB), anunciou que a Casa vai atrasar o salário dos servidores.

Taques negou que tenha sido informado sobre tal situação.

Leia mais:

Botelho diz que Assembleia vai atrasar salários se não receber duodécimo

Taques diz que dificuldade é por leis aprovadas de forma criminosa

Taques afirma que sem PEC do Teto salários dos servidores vão atrasar

Comente esta notícia

Pardal 26/10/2017

Perderam o bom senso, fazem comentário sobre atraso de salário? Por quê não propõe situações de regularização,: 1. Aumento de rentabilidade; 2. Redução de custos com a Caravana de Transformação; 3. Cobranças de empresas devedoras do Fisco; 4. Abertura de verba suplementar na Assembléia Legislativa; Qual a melhor situação?

positivo
0
negativo
0

Teka Almeida 26/10/2017

Esse incompetente está pouco se importando se vai pagar ou não até dia 10/11. O dele e do seu pessoal já é garantido. Segundo consta o PT já estuda não mais disputar devido a grande alta de rejeição, o Piveta mandou fazer essa inquete. Então se não vai em 2018 por que então vai se preocupar???

positivo
0
negativo
0

2 comentários

1 de 1