Cuiabá, 05 de Outubro de 2022
logo

23 de Dezembro de 2013, 16h:04 - A | A

PAPO RETO / FIM DA PICADA

PSB paga buffet com verba de fundos partidários e tem contas reprovadas

DA REDAÇÃO



O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso reprovou as contas do PSB (Partido Socialista Brasileiro) referente ao exercício de 2009, quando ainda estava sob a presidência do deputado federal Valtenir Pereira, agora no PROS.  A Legenda foi condenada a devolução de quase sete mil aos cofres públicos e a perda das cotas do fundo partidário por quatro meses. A Coordenadoria de Controle Interno e Auditoria (CCIA) do Tribunal e a Procuradoria Regional Eleitoral emitiram, respectivamente, relatório e parecer, apontando que recursos oriundos do fundo partidário, no montante de R$ 6.725,00, foram aplicados irregularmente pelo Partido. Após essas manifestações, o PSB foi intimado para se pronunciar, dentro de 72 horas, a respeito das irregularidades, porém, a agremiação partidária só se manifestou 19 dias após a intimação. O relator das contas, o juiz membro, Francisco Alexandre Ferreira Mendes Neto, explicou que o PSB contratou serviços de Buffet – para um almoço e jantar e adquiriu 600 bolos, sendo que tais despesas foram pagas com recursos do fundo partidário, o que não é permitido, conforme determina o artigo 8º da Resolução n.º 21.841/2004-TSE.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia