facebook-icon-color.png instagram-icon-color.png twitter-icon-color.png youtube-icon-color.png tiktok-icon-color.png
Cuiabá, 24 de Maio de 2024
24 de Maio de 2024

18 de Outubro de 2010, 23h:09 - A | A

PAPO RETO /

No país de Lula, pobre come no Mcdonald´s, diz Magno Malta, em Cuiabá



O senador Magno Malta (PR) esteve nesta terça-feira em Cuiabá buscando apoio dos membros da Igreja Sara Nossa Terra para a candidata à presidência, Dilma Rousseff e soltou farpas contra o governo de FHC e algumas pérolas. O senador, em coletiva de imprensa disse que, apesar de não morrer de amores pelo PT e por Lula, o que ele quer é o Brasil de Lula, com Dilma. Não o de FHC. Malta criou o termo 'pobre emergente" ao se referir às camadas mais pobres da populaçãoe ainda o termo “dessatanizar” Dilma, no tocante a desmistificar as “mentiras” espalhadas pelo grupo favorável ao candidato do PSDB a presidente, José Serra (PSDB).

Sobre os mais pobres o senador forçou a barra e soltou: "hoje, essas pessoas compram carro 1.0 e seus filhos comem no Mcdonald´s, citanto a inclusão social que Lula teria porporcionado. O senador esqueceu de dizer que um lanche no tal restaurante custa R$15,00 em média, ou o mesmo valor mínimo (máximo R$200 por família) pago aos "pobres emergentes" pelo Bolsa Família. Menos, senador, menos.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia