Cuiabá, 31 de Janeiro de 2023
logo

12 de Novembro de 2014, 17h:01 - A | A

PAPO RETO / DETRAN-MT

Com saída do governo dia 31/12, Destri sabe que não será aproveitado

DA REDAÇÃO



O atual presidente do Detran de Mato Grosso, Eugênio Destri (PR), sabe que dificilmente será aproveitado no próximo governo. Em entrevista nesta terça-feira (11), ao programa Chamada Geral, de Lino Rossi, Destri disse que deve deixar a gestão Silval Barbosa (PMDB) no dia 31 de dezembro, como está previsto, até o momento. Mesmo que Mauri Savi (PR), seu padrinho político, conquiste a presidência da Assembleia, Destri sabe que Pedro Taques (PDT) colocará outro gestor, com perfil mais técnico para comandar uma Autarquia tão complexa e problemática. Em seu programa eleitoral, Taques disse que colocaria um anexo da Delegacia Fazendária no órgão. "Tem gente que tem comichão por dinheiro", disse Taques à época.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia

Paulo Moreira 13/11/2014

O Detran e um destes órgãos que foram banalizados nas últimas gestões!!! Quanto desmando quanto mal [email protected]#$

juliano 12/11/2014

Verdade Destri, o Sr sente este comichão mais do que ninguem. Tribunal de contas, Min Publico... atentos a este cidadão ....

2 comentários

1 de 1