Cuiabá, 31 de Janeiro de 2023
logo

16 de Novembro de 2014, 17h:25 - A | A

PAPO RETO / CASO FRIBOI

Bens bloqueados de secretário de Silval passam de R$ 1,6 milhão

DA REDAÇÃO



RepórterMT teve acesso aos valores dos bens bloqueados de cada acusado no caso de benefício fiscal concedido ilegal, segundo o Ministério Público, para a JBS/Friboi. O que mais chama a atenção entre os valores bloqueados é do atual secretário de Fazenda de Mato Grosso, Marcel Cursi. Servidor de carreira, ele foi o segundo a ter o maior bem preso pela Justiça no Banco do Brasil: R$ 1.603.924,28, depois foi a JBS/Friboi com R$ 73.563.484,77 do Bic Banco. Cursi entrou com recurso para fazer o desbloqueio, mas foi negado pela desembargadora Nilza Pôssas de Carvalho. Silval Barbosa (PMDB), Pedro Nadaf (PR), Edmilson dos Santos e o empresário Valdir Aparecido Boni também tiveram os bens bloqueados.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Comente esta notícia