Cuiabá, 08 de Fevereiro de 2023
logo

11 de Outubro de 2022, 07h:00 - A | A

NACIONAL / TOXICIDADE

Personal trainer morre de overdose de cafeína ao ingerir o equivalente a 200 xícaras de café

Autópsia mostrou que vítima tinha níveis de cafeína de 392 mg por litro de sangue; níveis normais são de 2 a 4 mg por litro

ND+



Um homem de 29 anos morreu de overdose após consumir o equivalente a 200 xícaras de cafeína em pó. Tom Mansfield era pai de dois filhos e morava em Ruthin, no País de Gales, no Reino Unido.
Um inquérito policial aberto na cidade revelou que Tom passou mal logo depois de tomar a mistura em janeiro de 2021. As informações são do Daily Mail.

O médico legista responsável, John Gittins, chegou à conclusão de que se tratou de uma fatalidade e afirmou que a causa da morte foi a toxicidade da cafeína.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

A cafeína é usada por alguns frequentadores de academia — e alguns sites fitness recomendam seu consumo para melhorar o desempenho esportivo em determinadas doses.
No entanto, os especialistas alertam que, ao tomar suplementos em pó, existe o risco de consumir acima da quantidade recomendada. Leia mais em ND+

Comente esta notícia