Cuiabá, 19 de Agosto de 2022
logo

04 de Agosto de 2022, 18h:02 - A | A

NACIONAL / SEM LIMITES

Jovens fervem camisinhas, bebem o líquido e ficam drogados

Ainda que a gente recomende muito que você NÃO tente isso em casa, há sim um tanto de verdade na experiência

METRÓPOLES



Ser estúpido é parte do processo que faz o jovem chegar à vida adulta. Mas, a cada nova geração, a gente sempre fica com uma sensação de que o nível de estupidez está ficando ainda mais alto. Quer um exemplo?

Supostamente, a juventude da Índia está cozinhando preservativos com sabor e tomando a água como se fosse chá, tudo isso para se entorpecer. De acordo com o Gizmodo, o caso foi contado pela CNN-News 18, um canal de notícias indiano.

>>> Clique aqui e receba notícias de MT na palma da sua mão

Segundo a emissora, desde a metade de julho, as vendas de camisinhas saborizadas dispararam na cidade de Durgapur. Ainda de acordo com o canal, um cliente questionou os motivos disso e recebeu a bizarra prática como resposta de um vendedor: os jovens estavam buscando essa nova forma de ficarem “doidões”.

Para conseguir tal proeza, eles estariam fervendo as camisinhas e bebendo a água. Ainda que a gente recomende muito que você NÃO tente isso em casa, há sim um tanto de verdade na experiência.

Pesquisador de polímeros entrevistado pela revista Vice, Udayan Basak afirmou à publicação que, sim, teoricamente dá para ficar “chapado” bebendo o chá de camisinhas. Basak afirma que esses produtos contém resinas de poliuretano, usados para garantir que eles durem muito e estiquem mais ainda. A glicerina também é componente, garantindo o sabor.

“Acredita-se que o etilenoglicol, um tipo de álcool, é produzido quando o poliuretano se decompõe após ferver os preservativos com sabor em água por seis a oito horas”, disse Basak, conforme relatado pela Vice. Leia mais em METRÓPOLES

Comente esta notícia